Maio 19, 2020

A fada alça voo, ou melhor, levanta âncora!

A fada alça voo, ou melhor, levanta âncora!
Foto Betina Humeres

A Revista Gulliver finalmente saiu do porto. É um projeto lindo, especial como a gestora, a jornalista Carol Macário. Conheça a nova plataforma digital de cultura, histórias e questões contemporâneas. A iniciativa se propõe a preencher a lacuna deixada pela falta de espaços para se ler críticas e reportagens sobre a produção artística e intelectual de SC e já está no ar! 

A Revista Gulliver é portal para contar e compartilhar histórias. Um espaço para falar de arte, para reverberar a produção cultural do Estado, para debater questões contemporâneas, para ser crítico, para receber críticas. Um projeto que vem sendo desenvolvido com perspicácia pela Carol Macário, que, além de ser uma fadinha mágica, também é jornalista de Florianópolis com trajetória em jornalismo cultural.

A proposta surgiu para dar espaço à cobertura de assuntos culturais, uma vez que os principais jornais de Santa Catarina extinguiram os cadernos especializados no tema.

Jornalismo cultural é uma das editorias de maior índice de leitura no Brasil e no mundo, pois informa, possibilita o encontro de quem produz com quem frui e entretém. Sua base — a produção cultural — nunca foi tão grande e diversificada como hoje, como também tão invisibilizada e mal compreendida. 

A Gulliver pretende dialogar com as questões contemporâneas, difundindo a agenda, mas também retomando a análise e a crítica, entendendo que é parte da função do jornalismo informar e educar. Propomos narrativas possíveis, que conectem histórias de personagens da cidade e do Estado, artistas e criadores à população, comunicando a produção artística e intelectual para além da indústria cultural. A produção acadêmica na área de ciências humanas também tem espaço.

 

Literatura, artes visuais, cinema, música

A equipe é formada pela jornalista Carol Macário (editora e repórter), a historiadora e videomaker Fernanda Ozório e o jornalista e videomaker Juliano Nunes, da Volo Filmes & Fotografia. Entre os colaboradores estão a crítica de arte, curadora e pesquisadora Kamilla Nunes, que assina coluna sobre artes visuais; a jornalista e escritora Patrícia Galelli, autora de colunas mensais de literatura; o jornalista e crítico de cinema Andrey Lehnemann, autor de críticas de cinema. Também estão previstas colunas mensais sobre a produção audiovisual catarinense, sobre questões indígenas, pesquisas acadêmicas na área de ciências humanas e novidades em tradução.

Atualmente a Revista Gulliver está pré-incubada no CocreationLab - ACI.

 

Sobre Carol

A gata é jornalista desde 2005, pós-graduada em antropologia, trajetória como repórter e editora nos principais jornais de Santa Catarina. É especialista em jornalismo cultural. Repórter premiada nacionalmente. Única jornalista brasileira contemplada com a bolsa Gabriel García Márquez de Periodismo Cultural (2017), realizada na Colômbia. Já morou na Irlanda (dois anos), Espanha (um ano) e Índia (seis meses). Atua como repórter freelancer, com assessoria de imprensa e com projetos de comunicação digital.

 

Conheça a Revista Gulliver:
www.revistagulliver.com.br
Instagram: @revistagulliver

O nome é uma alusão ao clássico Viagens de Gulliver, publicado em 1726. O autor, o irlandês Jonathan Swift (1667 – 1745), foi um crítico mordaz da sociedade e política do seu tempo e sua obra é considerada um dos marcos do jornalismo cultural. Assim como o personagem Lemuel Gulliver, nosso propósito é explorar potenciais utopias.

Dá-lhe Carolzinha!

 

*****

 

Eu Transformo
 
Lançada campanha virtual expõe vivências da comunidade LGBTI+ no Brasil, com protagonismo de personagens inspiradores.
 
Há 30 anos, em 17 de maio de 1990, a Organização Mundial da Saúde (OMS), excluiu a homossexualidade da Classificação Internacional de Doenças, assegurando que este comportamento é apenas um traço da personalidade humana. Desde então, esta data tornou-se um símbolo de resistência, pautada na luta por direitos humanos e pela diversidade sexual. Por conta deste marco histórico, a organização da III TRANSFORMA – Festival de Cinema e Diversidade de Santa Catarina, lançou em suas redes sociais uma campanha potente, com o protagonismo de gays, lésbicas, bissexuais e transgêneros, com narrativas diversas e inspiradoras, alicerçadas pelo espectro da cultura e do ativismo político.
 
O calendário da campanha segue até o próximo dia 23 de maio, com três interações diárias. Para acompanhar a campanha, basta conectar-se às redes da Transforma no Instagram (@transformafest) e no Facebook (@transformafest).
 
 
 
A ação "Eu Transformo" conta com a participação de rostos conhecidos e anônimos, como Linn da Quebrada (cantora, atriz e apresentadora), Léo Fressatto (cantor), Jup do Bairro (cantora, atriz e apresentadora), Matheus Negro (DJ), Lirous Kyio (ativista e DJ), Malcon Bauer (ator, dramaturgo e roteirista), Suzaninha Richthofen (atriz e ativista) e Duda Dello Russo (atriz), entre outros personagens inspiradores. "A campanha proposta pela III Transforma apresenta corpos LGBTI+ do país que transforma a vida, a arte, a sociedade e os espaços por onde passam", afirma Arthur Gomes, produtor do festival.
 
***** 

 

 

 

Novos tempos, novas estratégias 

Se por um lado a Covid-19 trouxe incertezas em todos os setores relacionados à saúde, à infraestrutura para o enfrentamento da doença e à economia, com o fechamento dos comércios e empresas e a paralisação das construções, por outro a doença e a rapidez e o alto volume de disseminação trouxeram estratégias.

Para o setor da construção civil, inclusive. No caso da WOA, a quarentena e o distanciamento social serviram para construtora traçar novos planos para seguir trabalhando e também para antecipar algo que já estava nos planos, mas que ainda não havia sido tirado do papel: as visitas virtuais aos empreendimentos, entre outras novas óticas. "Precisamos nos reinventar, mas sem perder a essência do que nos fez chegar até aqui: a qualidade dos produtos e a excelência no atendimento. Essa doença mudou a nossa forma de trabalhar e de nos conectar com nossos clientes. Estamos em distanciamento, mas nunca afastados. Nossa proposta é estarmos cada dia mais próximos do nosso público fazendo o necessário para que ele siga se sentindo prestigiado", ressalta Patrícia Hartmann, Gerente Comercial da WOA Empreendimentos Imobiliários.

***** 

 

Mais de 1000 máscaras doadas

Pensando sempre no bem-estar dos clientes, o Floripa Shopping é entregou kits para parceiros, clientes e funcionários diretos e indiretos, contendo duas máscaras e álcool em gel 70% para contribuir com a higienização e saúde de todos e assim reforçar as medidas necessárias para a contenção do vírus.

O shopping acredita nas pequenas atitudes e que elas podem fazer a diferença.  Qualquer tipo de contribuição para a sociedade pode ajudar muito no combate ao Covid-19 e incentivar, cada vez mais, as pessoas a usarem máscaras e higienizar as mãos para, assim, proteger a si mesmo e ao próximo. 

*****

 

Bolsas de Graduação    

 

Na Unisociesc a prova do vestibular será online, no dia 23 de maio, às 14h, e para realizá-la o candidato deverá acessar o link específico da prova divulgado no site. Os primeiros colocados ganham bolsas de estudo para todo o curso de graduação, do primeiro semestre até o último. Além da bolsa integral, os candidatos que participarem da prova ainda concorrem a bolsas de 60%, 50% e 40%. São 22 bolsas de estudo no total.

O Concurso de Bolsas é uma oportunidade única para estudantes que buscam uma formação de qualidade e referência, estudarem com bolsas de estudo. Dessa forma, esses alunos podem realizar o sonho de ingressar no ensino superior e, mais do que isso, de se formar na profissão que desejam. Qualquer aluno com o ensino médio completo pode participar.

Devido à pandemia do novo coronavírus, respeitando todas as restrições e recomendações dos órgãos competentes para garantir ao máximo o isolamento social, o Concurso de Bolsas daGraduação UniSociesc será, como dito acima, totalmente online. Além de garantir a segurança de todos os envolvidos, sejam candidatos ou equipe acadêmica, a UniSociesc demonstra também a sua capacidade de atuar com recursos digitais. Assim tem sido também com as aulas.

 "O objetivo é incentivar os estudantes a seguirem com seus sonhos para o futuro, mesmo em meio as tantas incertezas que estamos vivendo. Sabemos que as dúvidas são muitas, mas o futuro não pode esperar. Como aqui na UniSociesc as aulas não pararam, os candidatos podem estar certos de que darão esse próximo passo, independentemente de quais serão os desdobramentos da pandemia", afirma Carol Sarmento, diretora de Marketing da UniSociesc.

Os candidatos devem se inscrever através do site unisociesc.com.br/vestibular e concorrer a bolsas de até 100%.

*****

Tags:
social entretenimento Floripa Florianópolis gente festas eventos agenda
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Yula Jorge

Yula Jorge
Jornalista graduada pela UFSC. Antes disso estudou e viveu quatro anos entre o Canadá e os Estados Unidos e quando retornou a sua terra natal, Goiânia, graduou-se pela PUC em Secretariado Bilíngue. 
Logo mudou-se para Florianópolis, ingressou na Universidade Federal, e da ilha não saiu mais. Atua como colunista desde 2012, assinou uma coluna diária no jornal Notícias do Dia por alguns anos, e, paralelamente, foi repórter da RICTV Record e Record News. Traz todos os dias o que rola de especial em Floripa: sobre quem acontece, empreende, se engaja em causas legais. O que inaugura, as festas bombásticas, as melhores casas, restaurantes, os shows, as ações bacanas e o voluntariado.

Comentários

Rancho Açoriano

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!