Junho 30, 2020

Adidas e Ford entram para boicote de publicidade nas redes sociais

Adidas e Ford entram para boicote de publicidade nas redes sociais

Adidas e Ford são mais duas multinacionais que anunciaram que entrarão para o boicote de publicidade em redes sociais. Elas juntam-se a uma lista crescente de empresas que pararam de anunciar no Facebook em apoio a uma campanha que afirma que a empresa não faz o suficiente para impedir a publicação de discurso de ódio na plataforma.

A Adidas informou que deixará de anunciar no Facebook e no Instagram durante o mês de julho. Já a Ford afirmou que a medida é válida pelos próximos 30 dias e abrange o YouTube e o Twitter, além do Facebook e do Instagram.

Unilever, Coca-Cola, Honda, Starbucks, Levi's e Diageo são algumas das empresas que já participam do boicote. As decisões da Coca-Cola e da Diageo, por exemplo, são globais.

Com o boicote, o presidente executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, já perdeu US$ 7,5 bilhões (R$ 39,4 bilhões) nos últimos dias. As ações da plataforma tiveram uma queda de 8,3% na última sexta-feira, 26, uma perda de US$ 56 bilhões (R$ 306,8 bilhões) do valor de mercado da empresa.

Tags:
web
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Redação Making Of

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!