Junho 12, 2019

Balanço Geral continua investindo para alcançar o Jornal do Almoço

Balanço Geral continua investindo para alcançar o Jornal do Almoço

Há algo de novo ao meio-dia na televisão de Florianópolis. A competição entre o Jornal da Almoço, da NSC, e o Balanço Geral, da RIC Record, chegou a um ponto de intenso combate de pautas, atrações e talentos. As diferenças de qualidade não existem mais. O que vai valer de agora em diante é a criatividade.

No BG, está sendo feito uma experiência com a co-apresentação de Vanessa Nora, que cuida do matinal SC no Ar, e tem dividido alguns espaços com Raphael Polito. Quando ela tiver maior presença e os dois estiverem mais adaptados as divisões de tarefas, o programa poderá ganhar um novo status. Tem tudo para dar certo se a RIC aprovar o teste do casal.

É visível que o JA está usando parte do espaço para buscar um público da classe D e E, com os quadros de Edsoul, dedicados às comunidades de Florianópolis. Hoje, mais uma vez no Morro do Mocotó. O risco nesse viés é perder os formadores de opinião.

O BG também tem coach, como é frequente no JA. Hoje ela falou sobre Dia dos Namorados com um tempo exagerado. Coach por muito tempo ou dias seguidos é preenchimento de espaço.

Espaço bem preenchido foi o de Luiz Carlos Prates fazendo seu comentário a vivo do Ticen. Falou sobre convivência. Para quem sabe que ele perdeu a mulher de muitos anos, há poucos dias, sentiu que ele falou segurando a emoção.  

Ainda a registrar na comparação das edições de hoje, 12, que ambos trabalharam as ameaças de greve, a RIC ainda foi melhor pois abriu o programa com dois repórteres ao vivo no telão.

Pouquinho depois, Cacau Menezes registrava a falta de tainha na cidade, enquanto o BG divulgava um grande lanço pego hoje de manhã.

O programa da RIC, que fica mais meia hora no ar além do JA, ainda reserva para o tempo final as belas reportagens de Celito Esteves.

Tudo indica que o horário do meio-dia na capital está em processo de mudança positiva e será vitorioso aquele que tiver a melhor estratégia. Junto com insistência e confiança.

Tags:
multimidia claiton selistre bastidores comunicação TV rádio jornal
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Claiton Selistre

Claiton Selistre

Jornalista formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, foi diretor de Jornalismo por 25 anos da RBS TV, TVCom e Rádio CBN/Diário em Santa Catarina. Antes atuou na  Rádio e TV Gaucha do grupo RBS e em redações de jornal, rádio e tv do grupo Caldas Jr. em Porto Alegre. Foi também repórter da na Sucursal do Jornal do Brasil. Planejou e Coordenou coberturas multimídia nas Copas do Mundo de Futebol na Alemanha, Argentina, Espanha, México, Itália, Estados Unidos, França e Japão/Coréia.

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!