Fevereiro 22, 2020

CBN Diário se atrapalha no jogo do Figueirense

CBN Diário se atrapalha no jogo do Figueirense
Janniter De Cordes/Reprodução Instagram

As rádios que acompanham futebol têm economizado despesas com frequência, não enviando equipe completa – narrador, comentarista e repórter – para jogos nacionais. Geralmente viaja só repórter. Os demais fazem o chamado off tube, inventado na Copa da Inglaterra, que nada mais é do que acompanhar pela TV.

O processo é válido, sempre que informado ao ouvinte como o jogo está sendo visto e desde que não haja incidentes na transmissão televisiva.

No jogo de terça à noite, 18, entre Vitória e Figueirense, algo deu errado no planejamento da CBN Diário e Janniter De Cordes, presente no estádio, acabou em dupla função: narrou e fez reportagem. A emissora explicou no ar que havia planejado transmitir pela SporTV, que não ocorreu. O narrador ficou no estúdio, mudo. 

Parece uma trapalhada, pois não tinha previsão de TV para essa partida. De qualquer maneira, Janniter tem jeito de narrador e deu conta do recado.

Na Guarujá, ao contrário, toda a equipe acompanhou via internet e encorpou mais a transmissão. Quem faz no estádio fica com o áudio casado com a imagem da TV. Via internet há um atraso de segundos. Mas, imagina ver o jogo pela TV e escutar pela rádio, é coisa do século passado.

 

Big Brother

Não se trata do programa e sim daquela perspectiva. Imaginada um dia por George Orwell, no livro 1984, de vigilância permanente.   

Tudo hoje pode ser gravado, desde mini câmeras de segurança até smartphones sofisticados. Tem gente que não se deu conta disso, acaba revelando posições e atitudes controversas a todo instante. O último flagrado dando pitacos exacerbados foi o ministro do gabinete de segurança institucional, Augusto Heleno.

Mais um incidente desnecessário que está tomando conta do noticiário.

 

Bem

Muito expressivo o desempenho da apresentadora Maria Ester no SBT Meio-Dia. O que se espera no horário do almoço: simpatia, simplicidade e comunicação.

 

Brito

Um velho conhecido mais próximo a partir de março, às segundas e quintas-feiras.  

Tags:
multimidia claiton selistre bastidores comunicação TV rádio jornal
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Claiton Selistre

Claiton Selistre

Jornalista formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, foi diretor de Jornalismo por 25 anos da RBS TV, TVCom e Rádio CBN/Diário em Santa Catarina. Antes atuou na  Rádio e TV Gaucha do grupo RBS e em redações de jornal, rádio e tv do grupo Caldas Jr. em Porto Alegre. Foi também repórter da na Sucursal do Jornal do Brasil. Planejou e Coordenou coberturas multimídia nas Copas do Mundo de Futebol na Alemanha, Argentina, Espanha, México, Itália, Estados Unidos, França e Japão/Coréia. Dirige a Making of há seis anos.

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!