Junho 30, 2020

Cidades Invisíveis - enxergadas por quem fala a língua do bem

Cidades Invisíveis - enxergadas por quem fala a língua do bem
Divulgação

Ajudar quem mais precisa de forma efetiva e transformadora - esse é o foco do projeto Cidades Invisíveis, que lançou o programa Sócio Voluntário, oferecendo planos mensais para quem pode e quer ajudar a manter ações realizadas nas comunidades em situação vulnerável, que nesse momento de pandemia estão passando por extrema dificuldade.

Desde 2012 o projeto tem como principal objetivo disponibilizar uma infraestrutura necessária para essas pessoas viverem com o mínimo de dignidade, por meio de projetos de geração de trabalho e renda, reurbanização de áreas públicas, promoção de saúde e assistência básica. 

A ideia é que haja uma contrapartida para a doação de tantas pessoas que falam a língua do bem. Por isso, a partir de R$ 50 por mês, assinando o pacote 'Sou Humano', é possível ter acesso a um relatório bimestral, uma camiseta exclusiva do programa Sócio Voluntário, 10% de desconto nos produtos do site, conteúdo exclusivo para "amigos próximos" do Instagram e participação na elaboração e desenvolvimento das ações sociais.

Além disso, também estão disponíveis os pacotes 'Sou Solidário' e 'Sou Transformador', com ainda mais benefícios. Todos os detalhes estão no site. O pagamento é feito via PagSeguro e o cancelamento pode ser feito a qualquer momento.

 

"Cada membro do bem faz a diferença. Enquanto as nações falam idiomas diferentes, nós falamos o universal. Enquanto o mundo não se entende, nós estamos alinhados. Falamos sobre o futuro, falamos a língua do bem", afirma o idealizador do projeto Cidades Invisíveis, Samuel Schmidt. 

Ao todo, já foram mais de 25 mil pessoas atendidas, mais de 500 voluntários ativos, mais de 10 coleções lançadas e uma marca que ultrapassa os 5 mil produtos vendidos. Ah, e os sorrisos provocados são incontáveis.

*****

 

Falando em boas ações...
 
A Unisul aceitou o Desafio 10×10 e aderiu à gincana que pretende mobilizar milhões de pessoas para combater a fome no Brasil durante a pandemia de COVID-19. A proposta do desafio é alimentar 10 milhões de famílias em situação de vulnerabilidade. O Desafio 10×10 vai durar 30 dias e irá transformar a internet brasileira em uma grande gincana virtual tendo a juventude como protagonista.

A base da gincana será a plataforma ttps://desafio10x10.com.br.

 

Sobre o desafio

O Desafio 10×10 é uma gincana nacional que pretende engajar 10 milhões de jovens para arrecadar fundos necessários para alimentar 10 milhões de famílias que estão sofrendo mais pesadamente as consequências da crise econômica causada pela pandemia do COVID-19.

 

O desafio foi idealizado pelo urbanista e premiado especialista em jogos cooperativos transformadores Edgard Gouveia Júnior e apoiado por ONGs, artistas, influenciadores e líderes religiosos e da iniciativa privada.

*****

 

Cancerianíssima

A jornalista Beth Bieging é quem sopra as velinhas hoje. Feliz aniverário, Beth querida, saúde e paz! Que hoje é do que a gente corre atrás...

*****

 

Hoje! Luiz Zago Trio 

Os Recitais Virtuais da Camerata estão de volta, e hoje, às 20h, quem participa de nossa transmissão é o Luiz Zago Trio. No piano Luiz Gustavo Zago, contrabaixo, Tie Pereira e na bateria, Richard Montano, os músicos trazem um repertório de obras autorais e versões inéditas do universo pop. É a 13º edição dos Recitais Virtuais, que surgiram em abril como alternativa para continuidade do trabalho da orquestra em tempos de isolamento social e que estão sendo viabilizados através de financiamento coletivo.

Todos os recitais têm a direção artística do maestro Jeferson Della Rocca, produção de Maria Elita Pereira, e a edição desta terça-feira conta com o Apoio Cultural da marca Da Magrinha 100% Integral.

A relação de Luiz Zago com a Camerata vai além de criar os arranjos musicais para vários encontros de sucesso da orquestra (como os feitos com Lenine, Zeca Baleiro, Paulinho Mosca e Dazaranha, entre outros). Em 2018, o Luiz Zago Trio fez a apresentação do espetáculo "A Arte do Improviso - In Jazz" com a orquestra, no Teatro do CIC. No ano seguinte, no mesmo local, outro concerto – "Momentum" – foi a oportunidade para o público conhecer melhor as criações de Zago, num espetáculo totalmente autoral.

Para participar dos Recitais Virtuais da Camerata é necessário realizar uma contribuição no financiamento coletivo da orquestra, na plataforma Kickante, através do link: https://bit.ly/3dzGzI0.

O usuário irá receber uma senha via e-mail até, no máximo, seis horas depois do cadastro. A senha serve para acessar a plataforma de transmissões, tanto pelo aplicativo da 30play, disponível para Android e iOS, quanto pelo site do serviço, 30play.com.br.

 

Tags:
social entretenimento Floripa Florianópolis gente festas eventos agenda
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Yula Jorge

Yula Jorge
Jornalista graduada pela UFSC. Antes disso estudou e viveu quatro anos entre o Canadá e os Estados Unidos e quando retornou a sua terra natal, Goiânia, graduou-se pela PUC em Secretariado Bilíngue. 
Logo mudou-se para Florianópolis, ingressou na Universidade Federal, e da ilha não saiu mais. Atua como colunista desde 2012, assinou uma coluna diária no jornal Notícias do Dia por alguns anos, e, paralelamente, foi repórter da RICTV Record e Record News. Traz todos os dias o que rola de especial em Floripa: sobre quem acontece, empreende, se engaja em causas legais. O que inaugura, as festas bombásticas, as melhores casas, restaurantes, os shows, as ações bacanas e o voluntariado.

Comentários