Setembro 16, 2019

Com liberação de saques, app do FGTS lidera ranking em loja virtual

Com liberação de saques, app do FGTS lidera ranking em loja virtual

O aplicativo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) figura na primeira colocação na lista de "top apps" gratuitos da Play Store, loja virtual de programas para dispositivos móveis do sistema operacional Android. O programa da Caixa está entre os principais, juntamente com opções populares como Whatsapp, Facebook e Instagram.

A posição do ranking não é dada pelo número de downloads. O ranking é definido por critérios próprios e não públicos do Google. O aplicativo do FGTS marca 60 mil downloads. Já Facebook e Whatsapp chegam à casa dos 90 milhões de carregamentos, segundo a Agência Brasil.

Por meio dele é possível consultar o valor disponível para saque imediato, canal de pagamento, extrato, saldo e tirar dúvidas sobre o benefício. Para instalar, é necessário dar informações como CPF, nome, data de nascimento e cadastrar uma senha.

Na Play Store, na escala de 1 a 5 o app possuía média de 3,2. A nota é dada pelos usuários que fazem o carregamento de cada app. Nos comentários, muitas pessoas reclamavam que a atualização da versão havia vindo com problemas (ou bug, no linguajar popular utilizado para equipamentos e serviços de informática).

Diante das reclamações, a Caixa respondeu no espaço de comentários que havia enfrentado problemas mas que o procedimento de cadastramento havia sido corrigido e que poderia ser novamente realizado para viabilizar a instalação e o uso do apP.

O sucesso do aplicativo se dá pela liberação do saque do FGTS, que inciou na sexta-feira, 13, para pessoas nascidas em janeiro, fevereiro, março e abril, que têm conta poupança na Caixa.

Os repasses serão feitos até 31 de março de 2020, conforme a data de nascimento dos beneficiários. Aqueles com data de aniversário em maio, junho, julho e agosto, recebem a partir do dia 27 de setembro de 2019. Para trabalhadores nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro, o pagamento será feito a partir do dia 9 de outubro de 2019. Quem não possui poupança na Caixa seguirá outro cronograma de pagamento, que terá início em outubro (confira aqui).

Nesta semana, as agência abrem 2 horas mais cedo entre 16 e 20 de setembro.

Tags:
web
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Redação Making Of

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!