Junho 30, 2020

Disney modifica atração Splash Mountain após acusações de racismo

Disney modifica atração Splash Mountain após acusações de racismo

A Disney modificará a atração "Splash Mountain" dos parques americanos, por evocar o passado racista dos EUA, e a adaptará para a história da primeira princesa negra, Tiana.

Uma atração muito popular na Disneylândia, na Califórnia, e na Disney World, na Flórida, o "Splash Moutain" é um trajeto aquático, percorrido em um veículo que imita o tronco de uma árvore. O percurso termina com uma queda na água.

A temática de "Splash Mountain" faz referência a um filme muito controverso da Disney, "A Canção do Sul", de 1946. Desde o lançamento, o filme foi alvo de críticas, sendo acusado de reproduzir clichês racistas e mostrar de forma romantizada as plantações nas quais os escravos trabalhavam, no antigo sul dos Estados Unidos.

Por esses motivos, não foi exibido nos cinemas desde os anos 80 e nunca foi lançado em DVD. "A Canção do Sul" também foi excluído do catálogo Disney +, a plataforma de vídeo sob demanda.

"O novo conceito será inclusivo, todos os nossos visitantes poderão se enxergar (nas atrações) e serão inspirados, e falará da diversidade das milhões de pessoas que visitam nossos parques a cada ano", ressaltou em comunicado a empresa de entretenimento.

A decisão faz parte das iniciativas e pedidos de remoção de estátuas e monumentos associados à escravidão e opressão racista nos Estados Unidos, após protestos contra a morte do cidadão negro George Floyd pelas mãos de um policial branco.

O grupo não detalhou quando essas mudanças estarão prontas nos dois parques nos Estados Unidos, que atualmente permanecem fechados por causa da pandemia do coronavírus.

Tags:
entretenimento shows eventos festas
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Redação Making Of

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!