Junho 25, 2020

Entre as melhores empresas para a mulher trabalhar no Brasil

Entre as melhores empresas para a mulher trabalhar no Brasil
Divulgação

Fundada e liderada por uma mulher, a Qualirede, empresa especializada em gestão de saúde, sempre se diferenciou pela forte presença feminina no quadro de colaboradores e na alta liderança. Agora, essa cultura acaba de ser reconhecida com a conquista do prêmio Great Place to Work Mulher.

Na cerimônia realizada online, ontem (24), pela GPTW no RH Summit, o maior evento de Recursos Humanos da América Latina, a companhia foi eleita a 5ª melhor empresa para a mulher trabalhar no Brasil entre 70 participantes.  Desse número, 35 empresas foram premiadas na categoria grande porte, e 35 em médio, categoria na qual a Qualirede concorreu.

Hoje, 80% do quadro geral da Qualirede é composto por mulheres. Além disso, elas ocupam 70% dos cargos de liderança, incluindo as de presidente e de CEO.

 

Por elas

“Receber o prêmio Great Place to Work Mulher é uma honra para mim como mulher e como presidente da empresa. O selo mostra que estamos no caminho certo e que precisamos manter esse olhar voltado para o cuidado com a mulher e um ambiente propício para o engajamento das nossas colaboradoras”, comemora a presidente e fundadora da Qualirede, Irene Minikovski Hahn.

A Qualirede também contribui com organizações pró-diversidade e inclusão voltadas para as mulheres. A empresa é signatária da ONU Mulheres e do Movimento ODS Santa Catarina, associada ao Instituto Ethos e apoiadora do espetáculo “Se não agora, quando?”, da companhia de dança Trup Toe, que traz à tona a discussão sobre igualdade de gênero.

Entre as iniciativas da empresa, estão o apoio no início da vida profissional por meio do Programa Q Impulsiona. Desde que foi criado, 32 estagiários já apresentaram seus projetos e 8 deles foram premiados, sendo 75% desses projetos desenvolvidos por mulheres. Também investe no Programa de Auxílio Educação e Bolsa de Estudos, em que as mulheres representam 85% dos beneficiados.

Dentro da empresa, há uma programação de atividades que reforçam a luta pela igualdade de gênero e fomentam o empoderamento feminino, como também há discussões sobre assuntos voltados para a saúde da mulher, como a campanha Outubro Rosa.

Quando elas engravidam, o momento é celebrado e acompanhado pela empresa via Programa Baby, que oferece o acolhimento e apoio psicológico necessários durante a gestação para as colaboradoras e contempla também as esposas grávidas dos colaboradores. Ao voltar a trabalhar, a colaboradora recebe todo o suporte necessário e um auxílio-creche.

As mulheres têm liberdade para levar os filhos ao médico ou para amamentá-los. O acolhimento é tão significativo que 91% das mulheres continuam atuando na Qualirede, após o fim da licença-maternidade.

 

Sobre a Qualirede

A Qualirede é uma empresa de atuação nacional e líder no mercado de gestão em saúde. Atualmente, atende a mais de um milhão de vidas em dezoito estados do País, com mais de mil funcionários, com matriz em Florianópolis e unidades em São Paulo e Salvador. A Qualirede tem como focos estratégicos a inovação tecnológica, a atenção primária à saúde, a promoção da integração de serviços e a entrega de valor em saúde para seus clientes. Mais informações em www.qualirede.com.br

*****

 

A cara da riqueza

A maravilhosa Heloise Violène, do @ladyinredwines, chega hoje à idade de cristo mais linda que nunca. Que nunca nos falte motivos para celebrar e bons vinhos pra preencher nossas taças! Hoje os brindes são todos pra você, gata! Tim-tim!

*****

 

Cinema com todas as cores

Resistir é um verbo atemporal para a comunidade LGBTI+. Ao longo de décadas, inúmeras insurgências foram notabilizadas, trazendo reivindicações de cidadania, direitos e combate ao preconceito. Entre as mais importantes está o levante do bar Stonewall Inn, ocorrida em Nova York (EUA), no dia 28 de junho de 1969, quando um grupo de LGBTs resistiu e enfrentou a truculência policial, num ato de coragem e que marcaria para sempre o ativismo LGBTI+. Não à toa, é nesta data que se comemora o "Dia do Orgulho LGBTI+" em todo o planeta.

Neste domingo, 28 de junho, a comunidade LGBTI+ reúne-se novamente para celebrar suas conquistas e dialogar sobre pautas pertinentes ao movimento. Entre as ações mais oportunas está o Encontro Nacional de Festivais de Cinema LGBTI+, que será transmitido ao vivo pelo Youtube, a partir das 15h. A reunião é uma iniciativa da Transforma – Festival de Cinema da Diversidade de Santa Catarina, em confluência com outros festivais e mostras do gênero de todo o país.

"Este movimento possibilitará o estreitamento dos laços entre produtores que encabeçam os festivais e mostras no país, além de ser importante para estreitar nossas forças frente às demandas históricas do setor audiovisual nacional e pela luta de políticas públicas mais eficientes, tanto para a produção de filmes, mas também para difusão desses trabalhos, e que auxiliem na manutenção destes eventos, alcançando público e formando plateia", afirma Thomas Dadam, diretor da Transforma.

Para ter acesso ao evento, basta clicar neste link: https://bit.ly/youtube-transforma ou acompanhar as redes sociais da Transforma, no Instagram (@transformafest) e Facebook (@transformafest).

Tags:
social entretenimento Floripa Florianópolis gente festas eventos agenda
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Yula Jorge

Yula Jorge
Jornalista graduada pela UFSC. Antes disso estudou e viveu quatro anos entre o Canadá e os Estados Unidos e quando retornou a sua terra natal, Goiânia, graduou-se pela PUC em Secretariado Bilíngue. 
Logo mudou-se para Florianópolis, ingressou na Universidade Federal, e da ilha não saiu mais. Atua como colunista desde 2012, assinou uma coluna diária no jornal Notícias do Dia por alguns anos, e, paralelamente, foi repórter da RICTV Record e Record News. Traz todos os dias o que rola de especial em Floripa: sobre quem acontece, empreende, se engaja em causas legais. O que inaugura, as festas bombásticas, as melhores casas, restaurantes, os shows, as ações bacanas e o voluntariado.

Comentários

Rancho Açoriano

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!