Junho 18, 2019

Gean Loureiro é afastado do cargo por 30 dias

Gean Loureiro é afastado do cargo por 30 dias
Reprodução

O prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, foi afastado do cargo por 30 dias, em decisão do desembargador federal Leandro Paulsen, do Tribunal Regional Federal da 4 Região (TRF4). Pela sucessão natural, quem deve assumir o cargo é o vice-prefeito João Batista Nunes (PSDB).

Gean está preso temporariamente (prazo de 5 dias podendo prorrogar por mais 5 dias) desde a manhã de hoje, 18, na Polícia Federal na Capital, durante Operação Chabu, que investiga uma suposta organização criminosa que violava o sigilo de operações policiais com a participação de agentes públicos e empresários. Ainda não há informações sobre qual o papel dele na investigação.

Às 16h30, o TRF4 divulgou o nome dos sete presos na operação: Gean Loureiro (sem partido, ex-MDB), prefeito de Florianópolis; Fernando Caieron, delegado da Polícia Federal, foi preso Porto Alegre (RS); Marcelo Roberto Paiva Winter, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), diretor de comunicação do Sindicato dos Policiais Rodoviários de Santa Catarina (SINPRF-SC); Luciano Veloso Lima, que foi secretário da Casa Civil no governo estadual Eduardo Moreira (MDB); José Augusto Alves; Luciano da Cunha Teixeira; Hélio Sant'Anna e Silva Júnior.

Também foram feitas busca e apreensão no Grupo Nexxera, em Florianópolis, empresa de tecnologia, e na Prefeitura de Florianópolis, no gabinete do prefeito. Com informações de ND e G1.

Tags:
ultimas
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Redação Making Of

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!