Maio 06, 2020

Governador está perdendo o momento de falar

Governador está perdendo o momento de falar

Desde que começaram as informações de problemas na compra de respiradores por 33 milhões, o governador Carlos Moisés está driblando a oportunidade de prestar um correto esclarecimento ao público. Em dois dias, deixou de participar da entrevista que era rotineira dele às seis horas da tarde e em outras duas ocasiões colocou um total de sete secretários e altos funcionários diante dos jornalistas.

Ontem, 5, dois secretários, da administração e da casa civil, vieram a público para rebater a bombástica entrevista à ND TV da funcionária da Secretaria da Saúde que, segundo as primeiras informações, teria assinado a ordem de compra. Márcia Pauli fez acusações graves aos dois secretários e mais 14 outras pessoas que teriam tido conhecimento prévio da compra intermediada pela Veigamed.

Devido ao porte das denúncias, nada do que disse o governo até agora foi totalmente aceito por entrevistadores e pelo público. Foi dito que não se sabe quem bancou a Veigamed para a compra. Que foi pago mais do que o preço normal porque o mercado estava aviltado. Que houve pressa na compra para aparelhar os hospitais.

As respostas, no entanto, não se complementam, são pontas que não se ligam. Por que? Falta uma posição de Moisés, tipo bater no peito e dizer “desculpem, nós erramos”.

Hoje, 6, na entrevista de final de tarde, será uma de suas últimas oportunidades. Depois, serão discussões políticas na Alesc e os resultados dos inúmeros inquéritos. E ele será rebocado pelos fatos, mais do que agora.

A não ser que haja realmente algo muito mais grave do que um erro coletivo.

Tags:
multimidia claiton selistre bastidores comunicação TV rádio jornal
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Claiton Selistre

Claiton Selistre

Jornalista formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, foi diretor de Jornalismo por 25 anos da RBS TV, TVCom e Rádio CBN/Diário em Santa Catarina. Antes atuou na  Rádio e TV Gaucha do grupo RBS e em redações de jornal, rádio e tv do grupo Caldas Jr. em Porto Alegre. Foi também repórter da na Sucursal do Jornal do Brasil. Planejou e Coordenou coberturas multimídia nas Copas do Mundo de Futebol na Alemanha, Argentina, Espanha, México, Itália, Estados Unidos, França e Japão/Coréia. Dirige a Making of há seis anos.

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!