Março 14, 2019

Grau de confiança nas promoções é maior no Dia do Consumidor do que na Black Friday

Grau de confiança nas promoções é maior no Dia do Consumidor do que na Black Friday

O dia do consumidor, comemorado amanhã, 15 de março, é um dos pontos altos de venda no primeiro semestre. De acordo com o estudo Google Survey, ao contrário da Black Friday, a data tem credibilidade quanto a efetividade das promoções, é capaz de impactar na venda de uma ampla gama de produtos e tem como ponto focal de compras mercados e lojas físicas.

A pesquisa revelou que cerca de 65% dos consumidores que fizeram compras nesta data no ano passado, encontraram as promoções que procuravam. Os produtos mais vendidos foram alimentos (35,4%), produtos relacionados a moda e a beleza (27,7%) e eletrônicos (17%).

O dia do consumidor culmina, na verdade, em uma semana de aumento de compras. Segundo o estudo, as principais lojas online do país registraram em 2018, 13 milhões de visitas a mais nos dias que precederam e seguiram a data. Por mais que procurem e pesquisem online, os consumidores efetivam as comprar, em sua grande maioria, em lojas físicas neste período. Para este ano, 39% das pessoas pretendem fazer compras em mercados e pontos de vendas físicos.

Saiba como preparar sua loja para impulsionar as vendas no período do Dia do Consumidor:

 

Atenção à estruturação do ponto de venda

"O clima ainda está quente em março, mas a data pode ser a oportunidade de vender produtos mais típicos do inverno, com preços atrativos. Com um merchandising dedicado e ofertas específicas você potencializa produtos de outros períodos sazonais", afirma Pedro Galoppini, CPO da Involves. "Você precisa impactar essa pessoa, fazê-la entender a importância do seu produto e como essa compra será vantajosa. Tudo tem a ver com a dedicação e melhora da exposição no PDV. Em um trabalho voltado ao Dia do Consumidor, nada é tão importante quanto pensar no interesse e experiência dele. Ele deve ser colocado em primeiro plano", finaliza.

 

Garanta a efetividade da venda e a experiência do cliente até o final

Datas comemorativas oferecem, ao mesmo tempo, uma grande oportunidade e um risco para os varejistas. Isso porque são nestes períodos que são registrados os maiores índices de inadimplência. Por um lado, principalmente para pequenos negócios, a falta de pagamento representa um problema para a gestão das lojas, por outros, é uma situação que impacta no relacionamento do consumidor com o estabelecimento.

Piero Contezini, CEO da Asaas, diz que automatizar este processo é a melhor saída para garantir a efetivação da compra e não prejudicar o relacionamento com o consumidor. "A automatização do processo de cobranças permite que o software lembre ao comprador da dívida de forma impessoal, profissional e periódica, com uma comunicação não agressiva. O lojista, portanto, não precisa perder o seu tempo com as cobranças e o consumidor tem a mão todas as informações que precisa para sanar a dívida, de forma não invasiva", explica Piero.

 

Fidelize os clientes

Promoções e datas comemorativas são ótimas para atingir um novo público e conquistar novos clientes. Mas como fazer isso na prática? "O consumidor quer estabelecer uma relação de confianças com as marcas e não apenas consumir. Muitos especialistas do passado apontaram que o varejo físico iria morrer, mas isso não é verdade, o varejo físico permite que a marca se conecte profundamente com seu cliente. Uma data como o dia do consumidor é excelente para isso, sua loja pode preparar uma boa promoção, desenvolver um ambiente exclusivo, oferecer brindes, realizar uma ação após o dia exclusiva para quem comprou no dia do consumidor, por exemplo. São muitas oportunidades", comenta Tiago Vailati, CEO da Hiper.

 

Tags:
web
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Redação Making Of

Comentários