Janeiro 17, 2020

Marilene Dabus, primeira mulher a cobrir futebol no Brasil, morre no Rio de Janeiro

Marilene Dabus, primeira mulher a cobrir futebol no Brasil, morre no Rio de Janeiro
Foto: Reprodução

A jornalista Marilene Dabus, primeira mulher a cobrir futebol no Brasil, morreu nesta sexta-feira, 17, no Rio de Janeiro, vítima de um câncer.

Marilene iniciou sua jornada na comunicação em 1969, ao participar de um programa de conhecimentos sobre o Flamengo na TV Tupi. Na sequência, trabalhou como setorista do rubro-negro para o jornal ''Última Hora''. A jornalista também atuou como repórter da seleção brasileira na preparação para Copa de 1970.

Identificada com o Flamengo, Marilene Dabus foi quem deu o nome ''Ninho do Urubu'' ao Centro de Treinamento de Vargem Grande. O clube retribuiu batizando a sala de imprensa da Gávea com o nome da comunicadora.

Neste sábado, 18, na estreia do Flamengo no Campeonato Carioca contra o Macaé, às 16h, no Macaranã, será respeitado um minuto de silêncio em homenagem à repórter.

Tags:
comunicacao
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Redação Making Of

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!