Junho 17, 2017

Pós boom dos food trucks, Meu Jardim se garante!

Os sócios do Meu Jardim Food Park, Leonardo Miguel, Rafaela Westphal e Fábio de Sousa. O local está bombando! O parque é lindo, tem uma estrutura maravilhoso, um bar central e sete carrinhos gastronômicos variados. 

Aqui, Fábio fala um pouco sobre este emprrendimento que tem atraído gente de todas as idades e gostos

De onde surgiu a ideia de criar um food park?

Foi após ter vivido fora do país trabalhando em bares, restaurantes, cassinos, e buscando obter experiências que pudessem me tornar um ser humano melhor e mais capacitado. Com essa vivência, a ideia de abrir o próprio negócio no ramo de alimentos e entretenimento já vinha sendo pensada há alguns anos.

E foi em uma viagem para o Peru que ocorreu o estalo do formato do negócio a ser criado. Retornei ao Brasil com a ideia e convicção de que após aquele insight não teria mais volta. Seria tudo ou nada! Dei o primeiro passo que foi viabilizar o local, e o segundo foi achar um sócio  que  tivesse o perfil e acreditasse na ideia. A partir daí, iniciamos a maratona dos projetos.

 

 

Pós boom dos trucks, muitos acabaram encerrando as atividades, por não terem onde parar seus carrinhos. Vocês pensaram nisso como uma solução de crise? E como está esse retorno para eles?

A criação do Meu Jardim Food Park foi disponibilizar um lugar permanente, onde os food trucks  pudessem  oferecer uma gastronomia de qualidade, com custo acessível em um local diferenciado.

Realmente o ramo de alimentação sobre rodas está um pouco saturado, porém como em qualquer outro negócio, os bons se reiventam, e foi pensando dessa maneira que agimos quanto a seleção de nossos parceiros. Nós somos muito criteriosos quanto à escolha dos food trucks. Nossos parceiros estão satisfeitos com o crescente movimento do Park, considerando que temos apenas sete meses de operação.

 

 

 

Quais os diferenciais do Meu Jardim em relação aos outros food parks, e dos espaços gastronômicos/ restaurantes em geral?

O Meu Jardim possui alguns diferenciais, como a localização, além das variadas opções de gastronomia, um projeto arquitetônico diferenciado e despojado, espaço kids e petfriendly. Nosso objetivo é oferecer um local de lazer para as famílias, e desenvolver  projetos culturais, visando  a valorização do bairro.

 

Como é a programação do parque? Vocês fazem diversas ações, certo?

Hoje contamos com apresentações musicais semanais, e estamos iniciando projetos que envolvem diversão e arte.

 

Como é a estrutura do parque? Vocês lançaram novidades, certo?

Com a chegada da estação de inverno, vimos a necessidade de instalar lonas laterais, aquecedores a gás, e pelegos nas cadeiras, visando um maior conforto aos nossos clientes.

 

 

O dia dos namorados foi um sucesso, né? E agora, o que vem por aí?

No dia 12 de junho realizamos o evento do Dia dos Namorados, uma noite de lua cheia, com uma decoração especial alusiva à data, e  com muita energia positiva  que  ficará marcada na memória daqueles que ali estavam. Oferecemos também musica ao vivo com uma apresentação de piano e sax que tornou a noite ainda mais especial.  Procuramos ouvir ao final a opinião de alguns dos clientes que ali estavam e recebemos os melhores elogios possíveis.

Já temos data marcada para o Arraiá Meu Jardim, que será  no dia 24 de junho, dia de São João. O parque abrirá seus portões às 15h com música ao vivo - MPB à tarde e à noite, apresentação da banda de forró Erva Rasteira, prêmios para o melhor traje, decoração típica, e recreacionistas para as crianças.

 

 

Tags:
social entretenimento Floripa Florianópolis gente festas eventos agenda
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Yula Jorge

Yula Jorge
Jornalista graduada pela UFSC. Antes disso estudou e viveu quatro anos entre o Canadá e os Estados Unidos e quando retornou a sua terra natal, Goiânia, graduou-se pela PUC em Secretariado Bilíngue. 
Logo mudou-se para Florianópolis, ingressou na Universidade Federal, e da ilha não saiu mais. Atua como colunista desde 2012, assinou uma coluna diária no jornal Notícias do Dia por alguns anos, e, paralelamente, foi repórter da RICTV Record e Record News. Traz todos os dias o que rola de especial em Floripa: sobre quem acontece, empreende, se engaja em causas legais. O que inaugura, as festas bombásticas, as melhores casas, restaurantes, os shows, as ações bacanas e o voluntariado.

Comentários

Rancho Açoriano

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!