Junho 29, 2020

O protagonismo da cooperação

O protagonismo da cooperação
Reprodução

A sociedade foi colocada à prova, no final de 2019, quando foi confrontada por um dos momentos mais desafiadores de sua história. Na economia, os índices mostram retração do Produto Interno Bruto (PIB) mundial. Na saúde, são necessários esforços coletivos para o enfrentamento de um vírus em escala global.

Apesar de todas as incertezas que enfrentamos no cenário atual, uma questão é dada como certa: a economia local será um dos principais propulsores no período pós-pandemia. A globalização comercial seguirá tendo relevância mesmo sendo desacelerada, mas será o empreendedorismo local um dos principais agentes para a retomada econômica. 

Neste sentido, cabe destacar que o cooperativismo pode ser um elemento importante neste processo, uma vez que tem entre seus princípios o interesse pela comunidade e a Intercooperação. Acreditamos que é possível promover mudanças positivas quando agimos coletivamente e com o mesmo objetivo: desenvolver comunidades, gerar renda e melhorar a qualidade de vida das pessoas.

Essa realidade faz mais sentido quando se observa levantamento do Sebrae, que aponta que mais de 90% das empresas do País, antes da pandemia, pertenciam a micro ou pequenos empreendedores, representando mais de 27% do PIB nacional, 52% dos saldos de empregos formais e 70% das novas vagas geradas por mês.

Assim, fomentar, no momento atual, a economia local, não só é correto, como, principalmente, necessário.  Esses números apontam que a necessidade de cooperar deve partir de todos os lados. E, mais uma vez, o cooperativismo de crédito se mostra relevante, pois incentiva o trabalho conjunto para o bem comum.  

Juntos, encontraremos alternativas para enfrentarmos e superarmos as dificuldades impostas pelo novo coronavírus. Entre elas, está o conjunto de ações do Dia C – iniciativa nacional em alusão ao Dia Internacional do Cooperativismo, data que é celebrada, todo ano, no primeiro sábado de julho. Em 2020, em virtude do cenário mundial, as iniciativas do Dia de Cooperar, como também é conhecido, ocorrerão online e terão como propósito minimizar os impactos da Covid-19.

Serão colaboradores, associados das cooperativas e comunidades em todo o Brasil envolvidos no maior movimento cooperativista de voluntariado do Brasil. Mesmo virtualmente, o Dia C extrapola o sentido de praticar solidariedade. É mais uma oportunidade de gerar resultados positivos para a sociedade.

Que o cooperativismo assuma um maior protagonismo no novo mundo que se desenha, mantendo o foco no desenvolvimento e na consequente redução das desigualdades. Estamos no caminho certo.

*Márcio Port, Vice-presidente da Central Sicredi Sul/Sudeste.

Tags:
artigos opinião especialistas
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Redação Making Of

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!