Julho 20, 2017

O DEM quer crescer e o que há de errado nisso

Na era Fernando Henrique Cardoso (PSDB), o PFL, que lhe emprestava o vice Marco Maciel, trocou de nome para Democratas e ficou na oposição nos quatro governos do Partido dos Trabalhadores. Uma eternidade na vida partidária, igualada a do PP catarinense, que buscou apoio nas administrações de Raimundo Colombo (PSD) depois de oito anos de secura na passagem de Luiz Henrique da Silveira (PMDB). Há tempos o DEM, que foi apoiador de primeira hora do peemedebista Michel Temer quer crescer no Congresso Nacional, tanto que pelas mãos do senador José Agripino Maia (RN) assedia, entre outros, os deputados federais João Rodrigues e João Paulo Kleinübing, ambos do PSD. A moeda de troca seria dar apoio ao projeto estadual longe dos passos pessedistas com a pré-candidatura de Gelson Merisio.

Um dos caminhos do DEM, dirigido no Estado pelo ex-deputado federal Paulo Gouvêa da Costa, seria, circunstancialmente, se aproximar do PMDB, de Eduardo Pinho Moreira, Mauro Mariani ou Udo Döhler, e quem sabe oferecer um vice, recém-chegado, Rodrigues ou Kleinübing. Então, o que há de errado na sigla de Rodrigo Maia, presidente da Câmara, em querer aumentar seu poder de fogo no Congresso. O medo de Temer, que jantou com Maia, no Palácio Jaburu, nesta quarta, é que o virtual beneficiado com um cada vez mais distante afastamento pela aceitação da denúncia do PGR ao STF, que ainda precisa passar pelo plenário, em agosto, fortaleça-se. Nada mal para um coadjuvante que interessa hoje ao PMDB nacional e aos tucanos, tradicionais parceiros do pessoal que veio do PFL.

 

Será?

Dizem que o assunto de um suposto estremecimento na relação entre Temer e Maia, a ofensiva para impedir que os 10 rebeldes do PSB sigam para o DEM, nem entrou na conversa entre uma garfada e outra. Maia, em vídeo gravado ao comentarista da Globo News Valdo Cruz, disse que há muitos assessores de Temer a dizer bobagem e criar crise onde não existe. Deveria seguir o conselho da mãe, dona Mariangeles Ibarra Maia, que lhe pediu para não entrar na história como o “conspirador” contra o presidente.

   

Vale pra um, pra outro não!

Quando Lula reunia-se com partidos e articulava coisas que podem ser explicadas hoje, à luz das investigações da Operação Lava Jato, era visto como um animal político. Agora, que Michel Temer reúne-se até na casa dos aliados ou de gente que quer debandar, passou a ser visto como um presidente que usurpa as funções do cargo e mistura as posturas de chefe de Estado e Governo com a de presidente de partido. Vá entender.   

 

Mais do DEM

No Estado, o DEM tem o ex-deputado federal Paulo Gouvêa da Costa como suplente do senador Dário Berger (PMDB). E, por breve tempo, ocupou uma cadeira na Assembleia com Narcizo Parisotto, hoje no PSC. Também perdeu o quarto suplente eleito na coligação (PMDB, PSD, DEM e PRB), o deputado Nilso Berlanda, que migrou para o PR.

 

MARCELO TOLENTINO/DIVULGAÇÃO

VISITAS ECLÉTICAS

Nome lembrado para disputar o governo, em 2018, o deputado federal Mauro Mariani enfrentou o frio dos últimos dias para visitar sua base, o Planalto Norte, e mostrou que não difere a condição partidária para ouvir sobre prioridades. Na foto, encontrou-se com o vice-prefeito de Rio Negrinho, Roberto Albuquerque (PP), para discutir demandas locais na cidade que administrou como prefeito. Depois, seguiu para Campo Alegre, onde o debate foi sobre os R$ 950 mil em emendas parlamentares viabilizadas  para a cidade nas áreas da saúde, turismo e esporte. No fim de semana, Mariani segue com o vice-governador Eduardo Pinho Moreira, outro nome peemedebista para a eleição do ano que vem, para mais um “15 em Movimento” pelos municípios de Braço do Norte, Tubarão e Laguna.

 

Em números

Levantamento da Defensoria Pública do Estado mostra a relevância de ter implantado uma unidade de atuação na área da saúde no Núcleo Regional de Blumenau. Em pouco menos de seis meses de funcionamento, informa o defensor-geral Ralf Zimmer, o setor, comandado pelo defensor Roger Rasador Oliveira, chega a 100 ações ajuizadas, das quais 59 receberam liminares favoráveis, 17 desfavoráveis, três parcialmente favoráveis e 21 ações ainda aguardam apreciação do juiz de direito da Comarca.

 

O outro lado

Quem adora ver as cenas de neve ou de geada no frio intenso que o Estado vive, principalmente na Serra Catarinense, desconhece os trabalhos dos setores de serviços de atendimento básico, com água e energia elétrica, ou o alerta das polícias Rodoviária Federal e Rodoviária Militar, nas rodovias extremamente escorregadias. A Casan, por exemplo, mantém equipes reforçadas em alerta nas agências de São Joaquim, Urupema, Urubici e Bom Jardim da Serra, para agir rápido e evitar rompimentos na rede com a água congelada que se expande nos canos.

 

MARCELO BECKER/PMT

PASSAGEM DO BASTÃO

Por 14 dias, o vice Caio Tokarski (PSD), à direita, é o prefeito em exercício de Tubarão, enquanto o titular Joares Ponticelli (PP) sai de licença sem vencimentos. Caio teve que ser exonerado da função de secretário de Gestão. A dupla anda afinada e a experiência é parte do que os caciques do projeto do PSD querem que se repita no Estado, uma aliança com o PP. Resta saber o quanto isso é consenso entre os pepistas.

Tags:
roberto-azevedo política economia bastidores da política Santa Catarina
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Roberto Azevedo

Roberto Azevedo
Jornalista com 35 anos de profissão. Foi repórter, editor, chefe de Reportagem, editor-chefe, chefe de Redação, gerente e diretor de Jornalismo na RBS TV (Blumenau e Florianópolis), hoje NSC TV; na TV Record (Florianópolis) e na Rede TV Sul (hoje SCC SBT); comentarista na RIC TV (hoje NDTV) e na Record News; editor de Política e colunista no Diário Catarinense (DC), e colunista no Notícias do Dia (ND). Atuou nas rádios União AM e FM (Blumenau e Florianópolis) e na Rádio Record da Capital. Atualmente, além do Making Of, faz comentários na Rádio Cidade em Dia FM, de Criciúma, e é diretor de Conteúdo na TVBV (Band).
  • Youtube

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!