Fevereiro 12, 2020

Reforma terá a cara da Assembleia

Reforma terá a cara da Assembleia
RODOLFO ESPÍNOLA/AGÊNCIA AL

Vencida a primeira etapa, a admissibilidade na Comissão de Constituição e Justiça e no plenário, o relator da Reforma da Previdência, deputado Maurício Eskudlark (PL) afirma que a proposta do governo do Estado não deve ser desidratada, mas sofrerá a avaliação dos parlamentares.

De acordo com Eskudlark, ainda líder do governo no Legislativo Estadual, haverá atenção especial aos servidores públicos que têm direito adquirido e àqueles que estão prestes a se aposentar.

Muitos deputados, inclusive Eskudlark, defendem que, dentro do que foi aprovado pelo Congresso Nacional e incluído na Constituição Federal, seja preservado o que foi consolidado e se considere o fato de que, em Santa Catarina, há uma realidade diferente do país, pois foi feita uma reforma, em 2015, que gerou um novo novo cenário para os servidores que assumiram depois da aprovação no parlamento.

A questão a ser definida passa pela idade mínima de aposentadoria, 62 para as mulheres e 65 para os homens, na maioria dos quadros do Estado, e 57 anos para as mulheres e 60 para os homens, para o magistério, motivo de preocupação por parte dos deputados, depois das análises nas comissões de Finanças e Tributação e de Trabalho, Administração e Serviços Públicos.

 

Sem temor

Eskudlark afirmou que os deputados, e ele como relator da matéria até o final da tramitação da reforma, não temem a pressão natural que virá dos diversos segmentos do funcionalismo, recheadas de manifestações.

“Isso é a democracia”, resumiu o líder do governo na Assembleia.   

 

SICILIA VECCHI/DIVULGAÇÃO

PARA OUVIR OS DEPUTADOS

Bem cedo, nesta terça (11), o secretário estadual Natalino Uggioni (Educação), ao centro, e o adjunto da pasta, Vitor Fungaro Balthazar, receberam deputados para ouvir as demandas regionais. Pivô do episódio que levou à demissão do então secretário Carlos Hassler (Infraestrutura), que o expulsou de uma reunião com a comitiva do município de Pinheiro Preto, o deputado Valdir Cobalchini (MDB), à esquerda, foi o primeiro a ser atendido por Uggioni. Não deixa de ser uma resposta a outros parlamentares que reclamam da disponibilidade do secretário para recebê-los em audiência.

 

Direto para o anedotário

Do deputado Ivan Naatz por ser tão bem recebido pelos companheiros do PL, do qual é líder na Assembleia, e ao falar sobre a cada vez mais próxima companhia dos quatros deputados do PSL que apoiam Jair Bolsonaro e são oposição ferrenha a Carlos Moisés da Silva.

“Estamos juntos, como diz o Jorginho (Mello, presidente da Estadual do PL), somos o PSL do B (de Bolsonaro)!”

 

PETERSON PAUL/SECOM

MUITOS PEDIDOS EM UM DIA

Agenda cheia em Brasília teve o governador Carlos Moisés, que se reuniu com os demais governadores no Fórum onde em coro os chefes dos executivos das unidades da federação pediram Reforma Tributária em vez de provocações nas redes sociais para baixar impostos sobre os combustíveis. Na presença do ministro Paulo Guedes (Economia), que admitiu que não há como zerar os impostos federais sobre os combustíveis, os governadores falaram em discussão de impostos sobre os produtos no âmbito da reforma, enquanto tentam preservar o ICMS. A lista de pedidos é grande, inclui ainda Plano de Promoção do Equilíbrio Fiscal (PEF), renovação do Fundeb, Fundo de Participação dos Estados (FPE), Plano Mais Brasil (Pacto Federativo) e distribuição de royalties do petróleo, que levou os integrantes do Fórum a uma reunião com o ministro Dias Toffoli, presidente do STF e do CNJ. Os governadores pedem uma distribuição mais justas entre estados e municípios. Entre um compromisso e outro, Moisés participou da posse de Rogério Marinho no Ministério do Desenvolvimento Regional (foto, no detalhe), no Palácio do Planalto.

 

Com jeito de pré-candidata

A deputada federal Angela Amin (PP), que já comandou Florianópolis por oito anos, foi, como sempre, enfática ao dizer que “não comento mentiras”.

A reação foi diante das notícias de que ela e o marido, o senador Esperidião Amin, teriam costurado uma aliança com o prefeito Gean Loureiro (DEM) nas eleições deste ano, e que caberia ao Progressistas construir uma maioria na Câmara dos Vereadores, agora que não há coligação na proporcional.

 

Dead-line

Angela ainda não definiu o futuro na eleição, em que seu nome ganha força a cada dia, e afirma que a decisão deve começar a ser amadurecida no mês que vem.

Enquanto isso, a ex-prefeita aposta nas conversas, que já foram feitas com PDT, MDB, PSL e PSB. E prosseguem.

 

Contato

Como o presidente do DEM catarinense é o ex-deputado João Paulo Kleinübing, que tem a amizade histórica com a família Amin e está lotado no gabinete de Esperidião, Angela diz que conversa com ele o tempo inteiro, menos agora.

Diante da divulgação do falso acordo, que, na versão de quem não gosta da deputada, teria sido costurado pelo o agora tucano Gelson Merisio (amigo de Gean) e por Kleinübing, Angela afirma que não conversou com o presidente do DEM para desfazer o mal-entendido porque ele está em viagem à Europa.

 

DIVULGAÇÃO

PIADA PRONTA

A "Mané Ói", uma corruptela da "London Eye", instalada na Capital britânica, entrou para o rol das piadas prontas ao ter a energia elétrica cortada pela Celesc por usar um gato, isso mesmo, uma ligação direta irregular na rede. Um empreendimento que se intitula itinerante, o maior da América Latina, recebido com pompa e circunstâncias pela prefeitura, não tinha um projeto elétrico para o alvará ser aprovado? Os responsáveis pela estrutura garantem que não vão deixar o "brinquedo" parar e passaram a usar geradores para manter a roda-gigante em funcionamento até que regularizem a situação junto à estatal que fornece a energia elétrica. Fica um olhar de suspeita sobre a instalação do equipamento, que, entre as obrigações de contrapartida, irá construir um banheiro de madeira, projetado pela mulher do prefeito, a arquiteta Cintia Loureiro, o que não deveria nem ser cogitado para não provocar outras ilações. Florianópolis ainda não se esqueceu da Árvore de Natal Digital, aquela que mal funcionou, na administração de Dário Berger, e deu muito pano para a manga, também na Beira-Mar Norte, e agora vem a "Mané Ói" para esculhambar tudo.

 

Mais essa

Além de tudo, o prefeito Gean Loureiro deu mais munição para a oposição.

Foi o vereador Afrânio Boppré (PSOL), que não é eletricista ou engenheiro, mas economista, que identificou o "gato" ao ir à tal roda-gigante, o que significa que o negócio era amador e poderia colocar em risco a integridade de quem fizesse o passeio ou ficasse por perto. 

 

Bauer com Bolsonaro

Para apagar a imagem que os adversários deram à sua saída da Casa Civil da Presidência da Repúbloca, o ex-senador Paulo Bauer (PSDB) foi ao Palácio do Planalto e gravou um vídeo ao lado de Jair Bolsonaro. Ao final do vídeo, o presidente deseja sorte a Bauer na próxima função, o que pode significar uma forcinha na pré-candidatura à prefeitura de Joinville ou não. Cada um usará a informação como bem entender. Assista ao vídeo:

 

Já foi tarde

Responsável pela administração de duas creches em Florianópolis, a Associação de Saúde São Bento, teve rompido o contrato pela prefeitura da Capital, após relatório da Secretaria de Transparência, Auditoria e Controle.

O problema, identificado pelos opositores do prefeito Gean Loureiro, há meses, é o de que a organização social apresentou documentos que não comprovam a legitimidade dos atestados de capacidade técnica, e o secretário Maurício Fernandes Pereira (Educação) informou que novo edital será lançado.

 

GERALDO MAGELA/AGÊNCIA SENADO

O PITO DO DÁRIO

A vida do ministro da Abraham Weintraub (Educação) não anda nada boa e quando tenta explicar sobre os novos equívocos do Enem, fala e fala para dizer que o problema foi um erro de impressão das provas na gráfica, algo semelhante que ocorreu quando o titular da pasta era o petista Fernando Haddad. Mas Weintraub não saiu da participação como convidado da audiência pública na Comissão de Educação, Cultura e Esporte, sem levar um pito do presidente, senador Dário Berger (à esquerda). O catarinense pediu um pacto suprapartidário em nome do ensino público brasileiro para tirar a área “das disputas ideológicas extremadas que em nada contribuem com o futuro de crianças e jovens”. Dário também sugeriu a ampliação dos recursos da União e a permanência do Fundeb.

 

* PEDÁGIOS NA BR-101: Depois das denúncias de na audiência pública na Assembleia, que levou à representação da Fecam, sobre os pedágios no trecho sul da BR-101, o deputado Volnei Weber (MDB) foi a Brasília para tentar sensibilizar o TCU para barrar o processo de concessão.

* DIRETO COM ELA: Weber conversou com a ministra Ana Arraes, relatora da representação da Fecam, e com a área técnica do TCU para pontuar as irregularidades no edital lançado pela ANTT no ano passado, enquanto a verdadeira batalha são contra as quatro praças de pedágio e o valor médio que seria cobrado entre Passo de Torres e Palhoça.

* DA LAGUNA: Deputado Felipe Estevão (PSL) foi à tribuna da Assembleia defender que o governo do Estado deve ter mais atenção ao Porto Pesqueiro de Laguna, no Sul do Estado, que entrou na lista dos descasos da administração Moisés.

Tags:
roberto-azevedo política economia bastidores da política Santa Catarina
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Roberto Azevedo

Roberto Azevedo
Jornalista com 35 anos de profissão. Foi repórter, editor, chefe de Reportagem, editor-chefe, chefe de Redação, gerente e diretor de Jornalismo na RBS TV (Blumenau e Florianópolis), hoje NSC TV; na TV Record (Florianópolis) e na Rede TV Sul (hoje SCC SBT); comentarista na RIC TV (hoje NDTV) e na Record News; editor de Política e colunista no Diário Catarinense (DC), e colunista no Notícias do Dia. Atuou nas rádios União AM e FM (Blumenau e Florianópolis), e na Rádio Record da Capital. Atualmente, além do Making Of, assina uma coluna no Diarinho (Itajaí), faz comentários nas rádios do Grupo RCC (Bombinhas e Nova Trento), na 105 FM (Jaraguá do Sul) e na Cidade em Dia FM, de Criciúma, e é diretor de Conteúdo na TVBV (Band).
  • Youtube

Comentários