Fevereiro 15, 2020

UVA, VINHO E TURISMO

UVA, VINHO E TURISMO
Vinícola Suzin/Divulgação

Produtores da serra catarinense lançam nesta quinta-feira (13) em Florianópolis, a 7ª edição da Vindima de Altitude. O encontro, na sede do Sebrae/SC, dá início à festa da colheita da uva. Organizada pela Associação Vinhos de Altitude e Produtores Associados, a Vindima reúne 16 vinícolas em uma programação que começa no dia 28 de fevereiro e segue até o último domingo de março.


Douglas Cipriani/Divulgação

Neste período São Joaquim e cidades vizinhas vão receber atrações culturais, degustações e workshops. Em paralelo, cada vinícola preparou uma programação própria que vai de piqueniques (foto), a almoços e jantares harmonizados. A intenção, é criar uma opção de lazer para moradores de Santa Catarina, atrair turistas e, claro, divulgar os vinhos finos produzidos em Santa Catarina. A região serrana produz mais de 1 milhão de garrafas de vinho por ano, muitos deles premiados no Brasil e exterior.

________

COLHEITA NOTURNA


Vinícola Larentis/Divulgação

Na serra gaúcha, as vinícolas também criaram uma programação diversificada para atrair turistas neste período da colheita – que em alguns locais começou ainda em janeiro. A programação também é variada e passa por degustações, visitas guiadas a jantares harmonizados e piqueniques. A coluna deu uma olhada na programação e acredita que alguns eventos merecem destaque:

A Aurora está oferecendo, além de vinhos, a possibilidade de cursos e degustação de azeites; a Vinícola Garibaldi programou uma degustação às cegas e dentro de uma pipa com capacidade para 100 mil litros de vinho; e a Larentis vai oportunizar aos visitantes participar da colheita noturna (foto) – que aproveita a temperatura mais amena para conservar melhor as uvas até o momento do processamento. Dias, horários e informações sobre reservas estão disponíveis no site acima.

________

 

POTENTE E GELADO


Ford/Divulgação

A Ford sugeriu na semana passada algo inusitado para os futuros donos do novo Mustang Mach E, o primeiro SUV elétrico da montadora. Substituiu o enorme motor à combustão por baterias, e abriu espaço para um compartimento embaixo do capô que pode ser transformado em um enorme frigobar. O cooler de plástico tem capacidade de 135 litros. O inédito SUV elétrico da Ford, começa a ser vendido este ano no mercado norte-americano, e ainda não há previsão de chegar ao Brasil.

Como dá para perceber pela foto acima, a campanha de divulgação não usa cerveja ou outras bebidas alcoólicas, para evitar polêmicas sobre a combinação de álcool e direção.

________

 

GELADEIRA DIFERENTE


Matrix/Divulgação

Por falar em geladeira uma startup norte-americana criou um equipamento capaz de gelar rapidamente qualquer tipo de bebida. O Juno (foto) promete resfriar uma lada de cerveja em um minuto, e uma garrafa de vinho em até três minutos. O produto foi apresentado no começo de janeiro em Las Vegas, durante a CES 2020, uma feira mundial de tecnologia.

O produto ainda está em fase de desenvolvimento, mas seu protótipo já pode ser adquirido pela plataforma de financiamento coletivo Indiegogo. O preço da unidade gira em torno de R$ 1,2 mil.

Tags:
vinhos cervejas cerveja artesanal drinks destilados whiskey gastronomia portal makingof
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Jefferson Douglas da Silva

Jefferson Douglas da Silva

Jefferson atuou por mais de 25 anos em jornais e emissoras de televisão de Chapecó, Blumenau, Joinville e Florianópolis. Foi repórter, editor, apresentador e gestor de equipes de TV, entre elas a chefia de redação da RBS TV. Como jornalista – e descendente de italianos – pode conhecer em detalhes a rotina de cantinas e alambiques que produzem vinho colonial e cachaça no Oeste do estado. Fez cursos de coquetelaria (Senac) e produção artesanal de cerveja (Escola Superior de Cerveja e Malte). Apaixonado por vinhos, estuda o assunto desde 2001.

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!