Vinícola chilena libera curso on-line

Vinícola chilena libera curso on-line
Concha y Toro/Divulgação

Uma boa opção para quem gosta de vinhos e busca mais informações sobre o tema. A chilena Concha Y Toro acaba de disponibilizar aulas on-line gratuitas sobre vinhos, no nível básico e avançado. O curso é ministrado em português pelo sommelier Gianni Tartari. Com trinta anos de experiência, é um dos coordenadores dos cursos da Associação Brasileira de Sommeliers (ABS) e já foi eleito por duas vezes o “Melhor Sommelier do Brasil”.

A série de vídeos aborda temas como o processo de vinificação, a influência do clima na qualidade dos vinhos, envelhecimento do vinho em contato com o oxigênio e o serviço da bebida.

____________

 

Lohn Bier lança social durante a pandemia 


Lohn Bier/Divulgação

Quem for ao supermercado e levar para casa a cerveja acima, pode ter certeza de que vai ajudar famílias que passam por dificuldades financeiras em função crise provocada pelo coronavírus. A #CervejaSocial é uma iniciativa da catarinense Lohn Bier, em parceria com a Rede Bistek, vão destinar parte do lucro obtido com a venda dos 6 mil litros da American Amber Ale a famílias carentes de Santa Catarina. Bistek e Lohn Bier ainda não deram detalhes sobre os critérios para a seleção dos beneficiados. O produto é encontrado exclusivamente nas 19 lojas da rede de supermercado.

____________

 

Vídeo motivacional

Ainda em clima de coronavírus, cervejarias do Vale do Itajaí se uniram para mandar um recado de otimismo ao consumidor. Produziram um vídeo que mostra um pouco dos locais de produção, dos profissionais envolvidos na elaboração das premiadas cervejas artesanais. A campanha pretende mostrar que o Vale da Cerveja está unido e que, em breve, produtores e consumidores estarão juntos novamente.

____________

 

Clima junino


Ashby / divulgação

Por falar em cerveja a paulista Ashby está fazendo uma campanha de educação do consumidor. Elaborou conteúdos que mostram como harmonizar diferentes estilos de cervejas com comidas das tradicionais festas juninas e julinas – apesar da impossibilidade da aglomeração de pessoas, em função do coronavírus. A coluna compilou algumas informações, que dão uma ideia do conteúdo:

Pipoca - Uma das comidas mais tradicionais das festas juninas, combina com uma cerveja leve, como é o caso da Pilsen.

Milho - Produtos à base de milho harmonizam com a Weissbier, tradicional cerveja de trigo, que tem espuma cremosa e duradoura.

Bolinho caipira - O quitute recheado com linguiça, pede uma cerveja com amargor médio. A dica neste caso é uma American Pale Ale (APA).

Cachorro-quente - Um cachorro-quente gourmet (com temperos mais marcantes) harmoniza com o estilo Índia Pale Ale (IPA), que é lupulada e com maior teor alcoólico.

Pé de moleque - O doce feito com amendoim e caramelo combina perfeitamente com uma Porter (cerveja feita com maltes torrados) que tem um toque de chocolate.

No link acima, a Ashby traz outras dicas de harmonização.

Tags:
vinhos cervejas cerveja artesanal drinks destilados whiskey gastronomia portal makingof
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Jefferson Douglas da Silva

Jefferson Douglas da Silva

Jornalista com especialização em Gestão de Marcas, atuou por mais de 25 anos em jornais e emissoras de televisão de Chapecó, Blumenau, Joinville e Florianópolis. Foi repórter, editor, apresentador e gestor de equipes de TV, entre elas a chefia de redação da RBS TV. Tem experiência em assessoria de comunicação e relações públicas nas áreas governamental e privada. Conhece em detalhes a rotina de cantinas que produzem vinho colonial no Oeste do estado e alambiques do Vale do Itajaí. Fez cursos de coquetelaria (Senac) e produção artesanal de cerveja (Escola Superior de Cerveja e Malte). Apaixonado por vinhos, estuda o assunto desde 2001.

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!