Novembro 17, 2021

1ª Virada AfroCultural

1ª Virada AfroCultural

A ideia surgiu numa conversa entre Keko Cardoso, músico e empresário, Solange Adão, arte educadora, atriz e idealizadora do Coletivo de Mulheres Negras Pegada Nagô e Sonia Regina Adão, secretária do Coletivo, para organizar atividades de celebração e luta no 20 de novembro, Dia da Consciência Negra.

Com apoio dos comerciantes da Rua General Bittencourt, no centro da cidade, decidiram realizar a Primeira Virada Afro-Cultural. Buscaram também o apoio da Fundação Franklin Cascaes e organizaram a programação que Solange Adão define como a união de artistas de todas as etnias para discutir, ensinar, repassar a temática africana e afro-brasileira em um só grito de respeito, comunhão, resistência e luta.  

A virada iniciará com um cortejo afro, acompanhado pelos grupos e coletivos: Africatarina, Arrasta Ilha, Pegada Nagô, Yagbas, filhas (os) de Santo e todos aqueles que valorizam a história e cultura do povo negro.

O evento receberá artistas da ilha no palco principal, com declamações, dança, capoeira, intervenções performáticas e as falas dos principais militantes catarinenses que fazem a diferença contra o racismo.

A Primeira Virada Afro Cultural é mais um dos movimentos que se soma na luta contra o racismo e suas consequências. "O valor da vida e da história que queremos contar estará presente com a força da nossa ancestralidade, dos amigos antirracistas e do povo negro. Vamos tentar virar esse jogo nesse evento grandioso e fazer a diferença com cultura e arte de qualidade", completa a organizadora do evento, Solange Adão.


Manifestações da cultura afro em Floripa/fotos DIVULGAÇÃO            

E sobre o Dia da Consciência Negra (20 de novembro/sábado), a Escola Olodum Sul e o Instituto Liberdade, de Florianópolis, organizaram programação especial para celebrar a data. Durante todo o dia serão realizados shows, palestras, oficinas, recitais de poesias e apresentações de blocos. A escola Olodum Sul fica na Rua Gualberto Senna, 400, no Jardim Atlântico. 

 

POEMAS BILÍNGUES

A catarinense natural de Chapecó, Ana Silvani, que mora nos Estados Unidos desde 2006, se prepara para lançar o primeiro livro de poemas bilíngues "Half Love, Meta (de) Amor", em dezembro de 2021, no Brasil. Formada em Letras pela Unochapecó, e com especialização em Entretenimento pela UCLA, Ana publicou em junho deste ano, pela editora WeBook Publishing, o livro nos Estados Unidos. Na primeira semana estava em primeiro lugar na lista dos novos lançamentos da Amazon, e em três meses, estava na lista dos mais vendidos. Escrito em Português e Inglês, o livro toca em assuntos como amor e perda, trauma e cura, saudade de casa e imigração.

Ana comenta que a escolha de se mudar para outro país foi como um "exílio voluntário `` em busca de novas possibilidades. A poeta se inspira na solidão de Sylvia Plath, na acidez de Clarice Lispector, e na astúcia bilíngue da poeta espanhola Leticia Sala para criar seu universo de poemas.

O leitor pode divagar em seus sonhos, contos de amores errados e suas considerações sobre vida e morte. A poeta explica que: "no cruzamento das línguas, tudo acontece em dobro, numa tradução simultânea de sentimentos, vozes e olhares que se misturam como palavras derretidas numa panela".

A obra está disponível em capa dura, capa comum e e-Book e mais informações em webookpublish@gmail.com  webookpublishing.com apssilvani@gmail.com.


ANA SILVANI - "Half Love - Meta de Amor"/foto DIVULGAÇÃO

 

ESPIRITO BIRD

Entusiasta do potencial brasileiro em todas as áreas, o empresário e empreendedor britânico Ian Charles Bird, radicado em Florianópolis, acaba de inaugurar na cidade uma plataforma de encontro e comércio, marketplace na denominação do universo dos negócios. O local escolhido foi o Campeche, no Sul da Ilha, na Rodovia SC 405.

Ian Bird sempre foi um apaixonado pela cultura brasileira. Formado em arte e design em Londres, mas com grande afinidade com a tecnologia, é estudioso e investidor em criptomoedas, games e realidade aumentada. O interesse pelo Brasil fez com que se tornasse um grande empreendedor na área de perfumaria. Além de idealizador da marca Espirito Bird, é curador dos produtos oferecidos em toda a América Latina. "Buscamos um público outsider, que se interessa para além do convencional, que busca sofisticação e não segue padrões estabelecidos", afirma o empresário. A defesa da marca é pelo uso de produtos orgânicos, veganos e livres de testes em animais, seguindo uma tendência cada vez maior de indústria sustentável na relação com a natureza, afirma a diretora da marca Audrey Burigo. A Espírito Bird vai oferecer produtos de perfumaria, beleza e moda, ressignificando os hábitos de consumo  e estimulando o luxo moderno e consciente.

info@espiritobird.com     www.espiritobird.com    


empresário IAN CHARLES BIRD/foto DIVULGAÇÃO


atriz MÔNICA MARTELLI e a modelo CAROL TRENTINI na inauguração
fotos FABRÍCIA PINHO

 

CAMPECHE POSTAL

O Garapuvu é a árvore símbolo de Florianópolis, protegida por lei e também um patrimônio cultural que vem da pesca artesanal. Quando um Garapuvu cai de forma natural, os pescadores são liberados para talhar canoas e barcos. Uma tradição secular na relação com a natureza e a sobrevivência de milhares de famílias que tiram da pesca o sustento.  As tradicionais canoas de Garapuvu são tema da edição 2022 do Calendário Campeche Postal, idealizado pelos fotógrafos Mara Freire e Ronaldo Andrade.

A terceira edição do projeto foi lançada no último final de semana, no Open Shopping, no Rio Tavares, em Florianópolis.

"Esse é o único calendário do Sul da Ilha de SC e nesta edição retrata um ícone da nossa tradição, a canoa de um pau só, como é chamada.

As embarcações são a maneira de ir ao mar pescar, desde os povos originários e são usos e costumes que decidimos valorizar e divulgar", diz a idealizadora do projeto, Mara Freire.

As fotos do calendário estão expostas na entrada do shopping, com venda aberta ao público. Trabalho lindo dos fotógrafos, que valoriza e ajuda a preservar a tradição.


foto MARA FREIRE


foto RONALDO ANDRADE

 

FUTEBOL DE TODOS

Foi necessário esforço e mobilização de muita gente para a retomada do futebol gay depois da flexibilização dos protocolos da pandemia. Durante o feriadão, foi realizada a Primeira Copa Ilha da Magia, envolvendo mais de 200 pessoas entre atletas e organizadores, no Orlando City School Florianópolis, em Santo Antônio de Lisboa.

A competição teve a participação de 8 times representando os estados do RJ, PR, SP, RS, SC, MG e DF, com arbitragem feita por juízes federados.

Além da disputa da Copa Ilha da Magia, o evento foi também uma oportunidade de confraternização e discussão sobre o atual momento do futebol gay no Brasil, que hoje tem mais de 50 times espalhados pelo país. Segundo um dos coordenadores do evento, David Massuda, o preconceito ainda é grande, mas aos poucos a estruturação do futebol gay começa a ganhar mais espaço e apoio de marcas e governos estaduais e municipais.

Muitas equipes que vem de longe, viajam por conta própria, dividem despesas, e com os apoios recebidos, fazem o que podem pela paixão de entrar em campo, defender seus clubes e mostrar que o futebol é esporte para todos.

E não faltaram técnica, grandes jogadas e garra de todos os times, do começo ao fim do torneio, com placares apertados na busca do título de campeão.

A equipe campeã foi a Bees Cats, do Rio de Janeiro. O vice-campeão o Taboa Futebol Clube, do Paraná. E o terceiro lugar ficou com os anfitriões, o Esporte Clube Dinosaurs (Dino), de Floripa.

Acima de tudo, ganhou o futebol gay, que mostrou a importância da amizade, do respeito, inclusão e diversidade.


equipe vencedora BEES CATS SOCCER BOYS/foto DIVULGAÇÃO

 

Por hoje é isso, fica o registro da luta incessante na semana dedicada à Consciência Negra.

Tags:
Gente lugares colunista making of anselmo prada
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Anselmo Prada

Anselmo Prada

Jornalista, produtor e gestor de conteúdo, pessoas e eventos. Foi repórter, editor, coordenador de reportagem, editor-chefe do Jornal do Almoço, chefe de redação da RBS TV e gerente de programação NSC/Globo em Santa Catarina. Além do jornalismo, desenvolveu e dirigiu diversos projetos de entretenimento para a televisão. Com carreira destacada na comunicação catarinense, se interessa com mais profundidade sobre o que fazem as pessoas, em todas as áreas, como elas mostram suas particularidades, desenvolvem seus projetos, criam oportunidades, oferecem ajuda aos outros e como estão inseridas dentro da imensa diversidade de um mundo cada vez mais plural. Um observador da vida, buscando histórias e percebendo o que existe de único e inspirador em cada pessoa ou lugar. No Portal Making Of traz semanalmente os destaques de gente e lugares que estão em conexão com o tempo e preparando o futuro. Contato: e-mail pradafloripa1@gmail.com e WhatsApp (48)99163-6710.

  • Instagram

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!