11.5 C
fpolis
11.5 C
fpolis
sexta-feira, 20 maio, 2022

5 estratégias de marketing para vender mais no digital

Últimas notícias
5 estratégias de marketing para vender mais no digital
Foto: Reprodução/Pixabay

Por Diego Santana*

A pandemia de covid-19 empurrou todo mundo para o digital, até mesmo quem até preferiria ficar de fora. Ao longo dos últimos dois anos, empreendedores, principalmente aqueles que contavam com estruturas mais enxutas, precisaram se desdobrar para aprender a lidar com o comércio eletrônico, chegando a esse mundo com muito mais dúvidas do que certezas. 

O marketing certamente é um ponto em que sempre haverá espaço para melhorias, especialmente quando falamos de digital, já que também a concorrência aumentou muito nesse ambiente. Melhorar uma pesquisa de persona aqui, afinar o branding ali, otimizar uma campanha acolá são tarefas que costumam refletir em melhorias nos resultados de vendas online. 

Para ajudar as empresas a fecharem mais vendas por meio do e-commerce, separei algumas dicas voltadas à estratégia.

Confira: 

1 – Melhore o visual do seu produto 

Não, aqui não estou dizendo para que se volte à prancheta e refaça o design do produto em si (embora isso possa ajudar em alguns casos). Meu ponto aqui é algo que você pode começar a fazer imediatamente: produzir melhores fotos, criar vídeos do produto em uso para que o potencial cliente possa entender como ele funciona e se imaginar com ele em mãos e até mesmo, se possível, utilizar modelos 3D (lojas de móveis se beneficiam muito dessa forma de visualização). 

 

2 – Fazer melhor uso de dados 

A cada passo da interação do seu usuário, é possível entender melhor como ele se comporta, quais são suas preferências e o que o conquista em termos de experiência. Portanto, tirar partido do que a inteligência artificial e os algoritmos têm a oferecer na compreensão dessas informações é um passo para melhores recomendações de produtos no momento e na hora certa. Lembre-se de que, quanto melhor for a experiência proporcionada na sua plataforma, maior a chance de conversão e fidelização dos visitantes. 

 

3 – Implemente um e-mail de recuperação 

Carrinhos abandonados são pedras nos sapatos de qualquer e-commerce, do maior ao menor varejista digital. Isso acontece por diversos fatores, como altos custos de frete ou outras taxas, processos complicados de criação de conta ou meios de pagamentos incompatíveis com as expectativas dos clientes. Mas nem tudo está perdido! É possível tentar recuperar essa venda por meio de e-mails de recuperação, em que se oferece alguma vantagem para que o cliente volte e feche a compra. Entre essas vantagens estão descontos, cashback, bônus, brindes, etc. 

 

4 – Tire partido do conteúdo criado pelos usuários 

Comentários e avaliações de artigos feitas por pessoas reais dão mais credibilidade a qualquer loja online. Até mesmo as avaliações negativas podem ser positivas! Elas mostram que, mesmo que algo tenha gerado insatisfação, elas receberam o produto e a loja é legítima. Alguns reviews negativos também dão mais credibilidade aos positivos, pois mostram que os comentários são reais. 

 

5 – Aproveite o poder do retarget 

Retarget é uma estratégia de anúncios em que os produtos visualizados por um visitante são mostrados a ele novamente em diversos sites. Assim, a pessoa mantém aqueles produtos e a sua loja em mente, até que possa voltar para finalizar a compra. 

 

*Diego Santana é gestor de performance especialista em anúncios para e-commerce.

 

 

 

Mais notícias para você
Últimas notícias

Congresso ACAERT tem início neste domingo com palestra de Hamilton Mourão

O 18º Congresso Catarinense de Rádio e Televisão, que a Acaert - Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e...
.td-module-meta-info { font-family: 'Open Sans','Open Sans Regular',sans-serif; font-size: 14px !important; margin-bottom: 7px; line-height: 1; min-height: 17px; } .td-post-author-name { font-size: 14px !important; font-weight: 700; display: inline-block; position: relative; top: 2px; }