Abril 14, 2021

A disputa pela audiência online

A disputa pela audiência online

Existe um entendimento nos bastidores da comunicação que diz o seguinte: nunca subestime a inteligência de quem ouve a mensagem. A lembrança vem a propósito da intensa disputa de informações entre os grupos NSC e ND, em evidência nos últimos dias, sobre quem é o líder de audiência de conteúdo online. As postagens tratam de números cada vez mais estratosféricos.

Quem está falando a verdade?

Os dois estão usando números verdadeiros, mas não exatamente sobre a mesma base de dados ou comparáveis. Pesquisas podem ser usadas de trás para diante e ao contrário.

O fato é que estão agregando veículos que nada a ver têm com o conteúdo informativo para aumentar cliques. Rádios musicais, por exemplo, estão entrando na contagem. Para inflar o número, a NSC está somando o G1. E vai agregar também o portal Metrópoles, de Brasília. 

Outra tática em busca de cliques é postar temas chamativos nos títulos. O exemplo está aqui embaixo, na capa do NSC Total de dois atrás, sobre assaltante que tenta pegar celular de idosa. Sabe onde esse fato ocorreu? Nem o editor sabe. Foi copiada do YouTube sem identificação. Ao que parece é no sudeste asiático.

 

IVC

Making Of obteve dados de fevereiro do Instituto Verificador de Comunicação, IVC, que recolhe informações juramentadas. Os dados são indícios do comportamento da audiência.

Em páginas visitadas, o IVC mostra:

NSC 23.771.500

ND   17.627.304

E sobre visitantes únicos:

NSC 10.658.303

ND    5.575.934    

Além do título de portal mais lido, os veículos disputam verbas comerciais e as publicações legais, uma boa fonte de renda.

 

Eveline

A jornalista que apresenta o Notícias na Manhã, na rádio CBN Diário, tem feito um bom trabalho. Eveline Poncio, que na TV participa do Bom dia Santa Catarina, vai bem ao lado de Mário Motta. Além de acrescentar uma voz feminina e quebrar as colocações às vezes longas do titular, Eveline demonstra segurança e tranquilidade, além da condição indispensável para uma âncora, conhecimento dos temas.   

 

Tóquio

A informação é que, devido a pandemia, a Globo não terá estúdio nas Olimpíadas de Tóquio. Essa era uma marca das coberturas internacionais de grande porte, como Copas e Olimpíadas. E um dos maiores custos da operação. Logo, novamente, a pandemia suaviza o orçamento, como já ocorre nas operações do dia-a-dia com funcionários de férias em casa e repórteres nos corredores e pátios da emissora.

Tags:
multimidia claiton selistre bastidores comunicação TV rádio jornal
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Claiton Selistre

Claiton Selistre

Jornalista formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, foi diretor de Jornalismo por 25 anos da RBS TV, TVCom e Rádio CBN/Diário em Santa Catarina. Antes atuou na  Rádio e TV Gaucha do grupo RBS e em redações de jornal, rádio e tv do grupo Caldas Jr. em Porto Alegre. Foi também repórter da na Sucursal do Jornal do Brasil. Planejou e Coordenou coberturas multimídia nas Copas do Mundo de Futebol na Alemanha, Argentina, Espanha, México, Itália, Estados Unidos, França e Japão/Coréia. Dirige a Making of há seis anos.

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!