19.1 C
fpolis
19.1 C
fpolis
quinta-feira, 7 julho, 2022

A Velha, e linda, Senhora e o velho e sábio senhor

Últimas notícias
A Velha, e linda, Senhora e o velho e sábio senhor
Foto DM Fotografia

O mestre de obras Ivo Pelegrini (à esq.), 85 anos – os últimos 65 dedicados à ponte Hercílio Luz –, ganhou homenagem especial de Joel Pacheco no lançamento de seu livro “Ponte Hercílio Luz – uma Ligação de Amor”, que aconteceu no hotel Faial.

O autor presenteou os convidados com um porta-retrato cinza, inspirado nos rebites da estrutura, com uma foto dela. O único dourado, que Joel chamou de “Oscar da Ponte”, foi para Pelegrini, que começou a trabalhar na Velha Senhora aos 19 anos, em 1955, junto de operários poloneses, ucranianos e de outras origens.

“É uma ponte pra durar 200 anos sem se incomodar, mas é necessário fazer as manutenções, não podem descuidar”, avisa o homem que mais conhece o monumento. 

*****

 

4.4 turbo

A semana começa com festa para o jornalista Ricardo Macuco, da RMC Comunicação! Feliz aniversário, Macuco querido! Tim-tim e saúde!

*****

 

Foi dada a largada    Fotos Linda Laranja 

Após quatro adiamentos em função da pandemia, o concurso mais amado do Brasil está de volta: até 22 de agosto, em Florianópolis e São José, ocorre o concurso Comida di Buteco, em sua 21ª edição, pela primeira vez em sua história, com foco no delivery.

 

 

A missão – “Transformar vidas através da cozinha de raiz – Buteco extensão de sua casa” – se faz mais necessária do que nunca. Se a preocupação em preservar e evoluir os pequenos negócios familiares chamados “butecos” já era o propósito do projeto, com a pandemia se tornou ainda mais urgente.

 

 

Neste 2021, o concurso terá um formato híbrido, pois os consumidores poderão provar os petiscos participantes do concurso através do delivery ou buscando nos butecos, no formato “para levar”.

 

Confira os participantes: Bar Ilustríssimo, Boteco Caravela, Boteco Zé Mané, Botequim das Flores, Centro Social da Cerveja, Restaurante do Moca, Sufoco´s Bar, Tonho Buteco e Zeca Bar e Restaurante. Mais informações no www.comidadibuteco.com.br

 

*****

 

 

Imprescindível – volta às aulas e vacinas!

Hora de voltar às aulas, esse momento é bem importante para revisar a caderneta das crianças e também dos adultos que trabalham na educação. Afinal, na escola as crianças e professores ficam expostas a diversas doenças que podem ser evitadas com vacina. Não é apenas o Coronavírus que oferece risco. O convívio entre pessoas de vários núcleos familiares aumenta o risco de contágio de diversas doenças, e por isso a imunização é fundamental.

“Durante as aulas, as crianças apresentam mais doenças, como viroses, gripes, e a imunização é forma de protegê-las”, explica enfermeira Mariana Fernandes, responsável pela sala de vacinação da Primme Vacinas, clínica especializada em imunização adulto e infantil.

A Laurinha já está com a vacinação em dia, e ganhou até certificado. Dá aquela conferida na caderneta da garotada, se precisar, agende um horário em uma das salas de vacina da Primme, em Florianópolis, São José, Palhoça ou Balneário Camboriú.

*****

 

Toda Nossa

Uma nova era de cervejas com lúpulo brasileiro está nascendo. Menos de um ano depois do lançamento da Hop Lager Green Belly, fruto da colaboração entre Ambev e Lohn Bier, utilizando o ingrediente cultivado pelo Projeto Fazenda Santa Catarina, da Ambev, as cervejarias agora retomam a parceria para a concepção e desenvolvimento da sua primeira cerveja feita com 100% de ingredientes locais.

A Toda Nossa, como foi batizada, é uma Brazilian Pale Ale feita com lúpulo proveniente da agricultura familiar da Serra, uma levedura cervejeira (fermento) encontrada no litoral pelos pesquisadores brasileiros, René Aduan e Ana Carolina Souza Ramos de Carvalho, e cevada plantada no meio-oeste e malteada no vale do Itajaí, tudo isso em Santa Catarina.

“Até pouco tempo atrás, os argumentos para se fazer cervejas de qualidade eram exclusivamente associados ao uso de ingredientes importados. Mas, a partir de agora, podemos usar três tipos de maltes beneficiados de cevada brasileira, lúpulos que são cada dia mais bem desenvolvidos na Serra Catarinense e a primeira levedura tipo Saccharomyces”, conta Richard Westphal Brighenti, cervejeiro e sommelier.

No próximo mês, cerca de dois mil litros da cerveja TodaNossa serão engarrafados e comercializados para todo o Brasil pelo Empório da Cerveja e pela Cervejaria Lohn Bier.

 

Yula Jorge
Jornalista graduada pela UFSC. Antes disso estudou e viveu quatro anos entre o Canadá e os Estados Unidos e quando retornou a sua terra natal, Goiânia, graduou-se pela PUC em Secretariado Bilíngue. Logo mudou-se para Florianópolis, ingressou na Universidade Federal, e da ilha não saiu mais. Atua como colunista desde 2012, assinou uma coluna diária no jornal Notícias do Dia por alguns anos, e, paralelamente, foi repórter da RICTV Record e Record News. Traz todos os dias o que rola de especial em Floripa e Santa Catarina: sobre quem acontece, empreende, se engaja em causas legais. O que inaugura, as festas bombásticas, as melhores casas, restaurantes, os shows, as ações bacanas e o voluntariado.
Mais notícias para você
Últimas notícias

“Tóxico” – por Tatiana Cobbett e Samí Tarik

Nasce o novo single da multiartista Tatiana Cobbett em parceria com o músico, percussionista e compositor, Samí Tarik. O...
.td-module-meta-info { font-family: 'Open Sans','Open Sans Regular',sans-serif; font-size: 14px !important; margin-bottom: 7px; line-height: 1; min-height: 17px; } .td-post-author-name { font-size: 14px !important; font-weight: 700; display: inline-block; position: relative; top: 2px; }