17.3 C
fpolis
17.3 C
fpolis
quinta-feira, 26 maio, 2022

Amin ouvirá o PP antes de manter contatos sobre alianças

Últimas notícias
Amin ouvirá o PP antes de manter contatos sobre alianças
WALDEMIR BARRETO/AGÊNCIA SENADO

O senador Esperidião Amin, pré-candidato do PP ao governo, afirmou, nesta segunda (17), que, antes de começar os contatos sobre possíveis alianças, ouvirá internamente os integrantes do partido esta semana.

Amin explica que foi prejudicado pela recuperação da Covid-19 que deixou fora da possibilidade de conversas presenciais, além disso teve o compromisso de participar da visita da ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento), em Chapecó, na semana passada .

Ex-governador, cargo que ocupou por duas vezes, Amin acredita que as políticas de costura tomarão forma a partir do mês que vem, o que impede adiantar qualquer estratégia ou nome de possíveis contatos, com a única certeza de que o PP terá candidato o governo.

 

Jorginho confirma que pegou Covid pela segunda vez

O senador Jorginho Mello, pré-candidato do PL, confirmou nas redes sociais que pegou ao Covid-19 pela segunda vez, nesta segunda (17).

Jorginho, que afirmou ter sintomas leves e que manterá o trabalho remoto, já passou por situações delicadas antes, quando, em março de 2020, estava na comitiva de Jair Bolsonaro que foi aos Estados Unidos e vários integrantes do grupo, inclusive o deputado federal Daniel Freitas (PSL), foram contaminados pela doença.

O senador catarinense escapou, mas teve a doença mais tarde, fato que se repete agora.

 

Ao contrário de ministros do presidente da República e de alguns assessores de Bolsonaro, Jorginho manteve o cronograma de vacinação.

 

Incidente com Márcio Búrigo terá consequências

Enquanto se recupera, Jorginho terá tempo para ver o que terá com o coordenador regional do PL na região carbonífera, o ex-prefeito Márcio Búrigo, que se envolveu em uma ocorrência policial no domingo (16) e acabou detido pela PM depois de uma perseguição de mais de dois quilômetros, na SC-100, na Barra do Camacho, em direção a Jaguaruna, quando não atendeu a um pedido de parada.

O caso provocou estardalhaço em Criciúma, pois o termo circunstanciado assinado por Búrigo não afasta a suposição dos policiais militares, que narraram que ele estava com sinais de embriaguez e se recusou a fazer o teste do bafômetro, depois de flagrado em manobras perigosas na rodovia.

Búrigo é pré-candidato a deputado estadual e o episódio no trânsito deve ser usado dentro e fora do PL.

 

E agora?

Grupo entre 15 e 20 prefeitos do PSD deve se reunir nos próximos dias com o presidente da sigla, deputado Milton Hobus, com uma proposta que suscitará polêmica.

Já que o ex-governador Raimundo Colombo bate o pé e confirma que será candidato ao governo, os mandatários, a maioria do Oeste, querem um candidato ao Senado pela sigla.

Há quem veja uma expressa maldade no movimento, afinal, se não conseguir viabilizar a candidatura, restaria a Colombo o Senado e a porta estaria fechada.  

 

DIVULGAÇÃO/RÁDIO CIDADE EM DIA FM

BOEIRA VAI PARA O PSB E RETORNA À ESQUERDA

O ex-deputado federal Jorge Boeira, que confirmou a filiação ao PSB, na sexta (14), fez o pêndulo inteiro entre esquerda e direita. O anúncio foi feito pelo presidente do partido, o ex-deputado Cláudio Vignatti, que se recupera da Covid-19, nos Estados Unidos, depois de ter sido testado positivo para a doença durante uma viagem para visitar um dos filhos. O partido ainda aguarda uma manifestação oficial de filiação do senador Dário Berger (MDB). Boeira, que tem base no Sul catarinense, começou filiado ao MDB, foi eleito federal pelo PT, mudou-se rapidamente para o PSD, chegou ao PP e agora está no PSB. Para ele, o eleitor percebe a questão da corrupção, porém prefere Lula (PT) a Jair Bolsonaro (PL) porque a vida nas administrações do ex-presidente era melhor. Boeira avalia que a cobrança sobre os desmandos relatados pela Operação Lava Jato virá. 

 

Governo de SC adota mesmo prazo do Prefis para da malha fiscal

As empresas que precisarem regularizar inconsistências nas chamadas malhas fiscais da Secretaria Estadual da Fazenda vão ter o mesmo prazo para de término do Prefis, dia 25 de fevereiro, para proceder os ajustes.

O benefício vale para os que foram chamados para ajustarem as inconsistências de forma espontânea, e, depois da data, a empresa que estiver enquadrada na malha sofrerá o procedimento de fiscalização da Fazenda.

A recomendação da diretora de Administração Tributária (Diat) da Secretaria, Lenai Michels, é que os contabilistas utilizem o Sistema de Administração Tributária (SAT), no módulo Malhas Fiscais. 

O prazo de adesão ao Programa Catarinense de Recuperação Fiscal de 2021 (Prefis) também foi prorrogado até 25 de fevereiro de 2022.

 

Boletim médico

A Cidasc confirmou, na noite desta segunda (17), que o presidente da empresa, Plinio de Castro, passou por uma cirurgia para a retirada deum coágulo, no Hospital Regional do Oeste, em Chapecó, depois de sofrer um aneurisma cerebral na madrugada.

O governador Carlos Moisés, que se recupera da Covid-19, postou nas redes sociais que, mesmo à distância, acompanha o quadro de saúde de Plínio a quem deseja “força e vitória neste momento de luta”.

Roberto Azevedo
Roberto Azevedo tem 37 anos de profissão. Estudou jornalismo na UFSC, de Florianópolis, e direito na FURB, de Blumenau. Foi repórter, editor, chefe de Reportagem, chefe de Redação, editor-chefe, gerente e diretor de Jornalismo, na RBS TV de Blumenau e Florianópolis, na TV Record de Florianópolis, na Rede TV Sul! e na TVBV (Barriga Verde, BAND); comentarista na RIC TV Record e na Record News, e colunista no Diário Catarinense (onde também foi editor de Política) e no Notícias do Dia, tendo blogs nas versões digitais das edições. Atuou nas rádios União de Blumenau e União FM de Florianópolis, e na Rádio Record da Capital catarinense. Além de ter uma coluna no Portal Making Of, desde setembro de 2016, faz comentários sobre política e economia na Rádio Cidade em Dia FM, de Criciúma, e na TVBV (BAND), de Florianópolis.
Mais notícias para você
Últimas notícias

Com vibração de Gean, Topázio e Bornhausen se filiam no PSD

Partido que já definiu o apoio ao ex-prefeito Gean Loureiro, pré-candidato do União Brasil ao governo, o PSD estendeu...
.td-module-meta-info { font-family: 'Open Sans','Open Sans Regular',sans-serif; font-size: 14px !important; margin-bottom: 7px; line-height: 1; min-height: 17px; } .td-post-author-name { font-size: 14px !important; font-weight: 700; display: inline-block; position: relative; top: 2px; }