Portal Making Of

Dois novos nomes do governo de Jorginho Mello são confirmados nessa sexta-feira

O Conselho de Administração da Celesc se reuniu na manhã dessa sexta-feira, 20, e acabou confirmando, com 9 votos entre os dez presentes, o nome do engenheiro Vítor Lopes Guimarães para a presidência da estatal.

Vítor Guimarães foi a pessoa escolhida pelo governador Jorginho Mello, mas em encontros anteriores, o Conselho, que era formado por outros membros que acabaram renunciando, não tinha votado favorável e o governo acabou numa situação constrangedora.

Na reunião de hoje somente o representante enviado pelo empresário Lírio Parisotto acabou votando contrário, o que mostra que Lírio tem diferenças com o atual governo. No fim de 2022, ele deixou claro que queria a privatização da Celesc, mas durante a campanha Jorginho assinou um compromisso com o sindicato dos funcionários dizendo que a manteria como está.

Cleicio Poletto, que presidia a Celesc até hoje e que tinha sido indicado pelo ex-governador Carlos Moisés da Silva, foi destituído do cargo para que Vítor ocupe o seu lugar. Agora com maioria no Conselho e com o presidente do seu lado, Jorginho resolve o maior problema dentro da Celesc e passa a ditar as regras do jogo.

Sheila Maria Martins Orben Meirelles assume o Instituto do Meio Ambiente

O governador Jorginho Mello nomeou Sheila Maria Martins Orben Meirelles para a presidência do Instituto do Meio Ambiente (IMA). A nomeação foi publicada no Diário Oficial do Estado de quinta-feira, 19.

Graduada em Direito pela Universidade do Extremo Sul Catarinense, Sheila é especialista em Direito Público e Direito Administrativo e pós-graduanda em Direito Ambiental e Urbanístico, além de possuir vasta experiência na área pública.

Já atuou no Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) e na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) auxiliando no trabalho de tramitação de projetos de lei e emendas constitucionais.

Foi também Assessora Jurídica da Fundação Municipal do Meio Ambiente de Florianópolis (Floram), Procuradora Jurídica do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) e ocupou a Coordenadoria de Gabinete da Presidência do órgão ambiental.

Por conhecer a estrutura do Instituto, Sheila substitui Daniel Vinicius Netto, que assumiu o IMA em fevereiro de 2021. A nova presidente dará continuidade ao trabalho com foco principalmente em licenciamentos, fiscalização e conservação dos ecossistemas catarinenses.

Os colunistas são responsáveis por seu conteúdo e o texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal Making of.

Compartilhe esses posts nas redes sociais:

Leia mais