17.3 C
fpolis
17.3 C
fpolis
quinta-feira, 18 agosto, 2022

Globo enxuga equipe da Copa do Catar

Galvão e Luiz Roberto / Reprodução
Últimas notícias

A Globo enxugou bastante a equipe que vai estar ao vivo na Copa do Catar, mas mesmo assim enviará 40 pessoas pela TV aberta.  A escala indica que apenas dois narradores estarão nos estádios, Galvão Buenos – se despedindo da narração – e Luiz Roberto. Os demais vão ficar nos estúdios do Rio acompanhando os jogos off tube (pela TV).

Galvão e Luiz Roberto estarão acompanhados no Qatar por Ana Thais Matos, Caio Ribeiro, Junior e Roger Flores.

Pela escalação é possível notar desde agora que o time está mais para opinião condescendente, sem a visão crítica que tinha Walter Casagrande, por exemplo.

Para a tv fechada, a Globo escalou Luiz Carlos Junior, Milton Leite,
Lédio Carmona, Grafite, Paulo Vinícius Coelho e Pedrinho. E para a reportagem junto aos jogos da seleção brasileira, Débora Gares
Eric Faria, Gabriela Ribeiro, Guilherme Pereira e Kiko Menezes.

E para outras seleções, Carlos Gil, Edgar Alencar, Edson Viana,
Felipe Brisolla, Guto Rabelo,  Julia Guimarães, Marcelo Courrege e
Pedro Bassan

Juntando  as duas equipes, o time, além de  enxuto, é muito  pé no chão, sem as estrelas que dividiram o microfone em outras Copas, como por exemplo, Pelé. A melhor definição talvez seja um time feijão com arroz.

Diretor

No documento interno em que anunciou a equipe, o diretor de esportes, Renato Ribeiro, fala em esforço de uma cobertura três semana depois das eleições e em cenário econômico desafiador. Assume também o viés “enxuto” do time.

Disse ele no documento: “O coração da nossa operação será no Brasil, onde teremos centenas de pessoas do Esporte e da Tecnologia envolvidas diretamente com o evento. A maior parte dos jogos será narrada daqui.  Do Íon, de um estúdio especial nos Estúdios Globo e de São Paulo. Lembro que teremos transmissões em quatro plataformas: tv globo, sportv, globoplay e ge.globo. Mesmo os jogos narrados no local, em Doha, serão coordenados remotamente a partir de controles no Brasil, como já foi feito na Rússia. Os programas esportivos recorrentes das grades do sportv  e da tv globo e os programas especiais da Copa também serão feitos do Brasil. Na tv globo, teremos diariamente a Central da Copa e, no sportv, três programas no horário nobre: o Troca de Passes, o Seleção Catar e o Tá na Copa. No ge, a cobertura da seleção brasileira e das outras seleções. O que for assunto no Catar, estará no nosso site.”

Vamos conferir então como será o produto que a Globo vai nos entregar.

 

Claiton Selistre
Publisher, colunista e owner do Portal Making Of, é jornalista formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Foi diretor de Jornalismo por 25 anos da RBS TV, TVCom e Rádio CBN/Diário, além de coordenador do comitê editorial da RBS em Santa Catarina. Antes atuou na Rádio e TV Gaucha do grupo RBS e em redações de jornal, rádio e tv do grupo Caldas Jr. em Porto Alegre. Foi também repórter da na Sucursal do Jornal do Brasil. Planejou e Coordenou coberturas multimídia nas Copas do Mundo de Futebol na Alemanha, Argentina, Espanha, México, Itália, Estados Unidos, França e Japão/Coréia. Dirige a Making of há sete anos.
Mais notícias para você
Últimas notícias

Gean Loureiro inicia a peregrinação pelo Oeste, meio Oeste e região serrana

O candidato ao Governador do Estado pelo União Brasil, Gean Loureiro, estará novamente cumprindo agenda de compromissos e visitas...