Junho 10, 2021

Globo pediu perdão à Conmebol para transmitir Copa América, diz site

Globo pediu perdão à Conmebol para transmitir Copa América, diz site
Reprodução/Divulgação

Crítica da realização da competição no Brasil, a Globo tentou transmitir a Copa América e, segundo reportagem do site Notícias da TV, chegou pedir perdão à Conmebol para que o canal pudesse concorrer na disputa pelos direitos do campeonato.

 

“O perdão (ou “waiver”, no linguajar técnico, literalmente renúncia em inglês) era necessário porque a Globo está sendo processada pela Conmebol, por ter rescindido o contrato que lhe dava direito de transmitir a Copa Libertadores da América até a edição de 2022. Sem ele, a Globo não pode disputar direitos de exibição de competições da Conmebol”, informa o site.

O portal afirma que, em outubro do ano passado, os diretores da Globo, incluindo Paulo Marinho, neto de Roberto Marinho, foram até a “sede da Conmebol, para tentar convencer a entidade a desistir do processo pelo rompimento do contrato da Libertadores”.

A Globo disse em nota que o encontro "teve caráter estritamente institucional", mas o site apurou que houve, tentativas de negociações. Além do pedido de perdão, os executivos da Globo propuseram comprar a Copa América e adquirir antecipadamente os direitos da Libertadores de 2023 a 2025, que só serão licitados no ano que vem - até 2022, o principal campeonato sul-americano pertence ao SBT.

Ainda conforme o mesmo site, no início deste ano, Jorge Nóbrega voltou a entrar em contato com a cúpula da Conmebol, dessa vez à distância, e novamente sem sucesso. Apesar de a confederação ter negado o perdão e mantido a ação judicial pela Libertadores, a emissora participou da concorrência pela Copa América. O SBT, mesmo tendo oferecido condições semelhantes às da Globo, levou a melhor.

Oficialmente, a Globo diz que não se opõe à realização da Copa América. “Nosso posicionamento sempre foi o de priorizar a saúde e a segurança das nossas equipes e dos atletas, respeitando as orientações e protocolos das entidades de saúde e dos organizadores.”

No entanto, jornalistas e comentaristas do Grupo Globo vêm há alguns dias falando abertamente contra a Copa América ser realizada neste momento no Brasil.

Tags:
comunicacao
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Redação Making Of

Onze 3

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!