8.8 C
fpolis
8.8 C
fpolis
sexta-feira, 1 julho, 2022

Governo de SC anuncia 68 novos leitos de UTI neonatais e pediátricas

Foto: Mauricio Vieira / Secom
Últimas notícias

O Governo de Santa Catarina anunciou na manhã de hoje, 30, a abertura de 68 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal e pediátrica em até 90 dias. A medida foi tomada após articulação envolvendo a Secretaria de Estado da Saúde com as unidades hospitalares do estado.

Os hospitais que terão os novos leitos de UTI são: Hospital Infantil Joana de Gusmão, em Florianópolis, com 9 leitos neonatal; Hospital Pequeno Anjo, em Itajaí, com 6 leitos de UTI pediátrica; Hospital Azambuja, em Brusque, com 8 de neonatal e 2 de pediátrica; Hospital e Maternidade Jaraguá do Sul, com 2 de pediátrica; Hospital Infantil Jesser Amarante Faria, em Joinville, com 10 de pediátrica; Hospital Regional Alto Vale, em Rio do Sul, com 4 de neonatal; Hospital Regional de Araranguá, com 5 de pediátrica; Hospital Materno Infantil Santa Catarina, em Criciúma, com 7 de neonatal; Hospital Regional de São José, com 10 de neonatal; e Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Tubarão, com 5 de pediátrica.

“Nós estamos pactuando com vários hospitais habilitados e vamos ampliar essa oferta nos próximos dias. Mas além dessa ampliação de 68 leitos em todas as regiões de Santa Catarina, é importante destacar a participação da sociedade em seu papel, cumprindo o esquema de vacinação de crianças, adolescentes e adultos que refletem na imunização dos bebês”, explica o governador Carlos Moisés.

Os dados do painel da transparência deste domingo, 29, consta que o Estado está com 294 leitos de UTI neonatal e mais 89 pediátricos ativos, distribuídos nas sete macrorregiões. A abertura dos novos leitos significa um incremento de 13% nos leitos de UTI neonatal e 33,7% nos leitos pediátricos.

Para a abertura dos leitos serão realizados novos convênios que permitirão às unidades a compra de equipamentos e contratação de recursos humanos. A previsão é que os leitos estejam em pleno funcionamento o mais breve possível, a partir de 10 dias.

Mais notícias para você
Últimas notícias

Virou bagunça

Tomar a vacina contra Covid-19 em Florianópolis virou uma corrida com obstáculo.
.td-module-meta-info { font-family: 'Open Sans','Open Sans Regular',sans-serif; font-size: 14px !important; margin-bottom: 7px; line-height: 1; min-height: 17px; } .td-post-author-name { font-size: 14px !important; font-weight: 700; display: inline-block; position: relative; top: 2px; }