Novembro 30, 2020

Impresso da NSC: marketing em excesso, conteúdo de menos

Impresso da NSC: marketing em excesso, conteúdo de menos
Reprodução

Não há quem duvide que a incorporação do FM em Florianópolis e a transformação da Rádio Globo em CBN Joinville foi uma boa estratégia da NSC. Mas quem quis ler o jornal impresso do grupo neste fim de semana, achou exagerado o espaço dado a esse movimento. Das 42 páginas do semanário, 26 foram dedicadas a badalação das novas emissoras.

Não há lógica em o leitor pagar por 61,9% de páginas sobre rádio. O balanço para quem comprou o jornal foi marketing em excesso, produto de menos.  

O consumidor merece res-pei-to como diz o título da capa.

 

Aglomeração

Basta um descuido e as pessoas se aglomeram. Isso também acontece no estúdio de televisão. Como sexta-feira, 27, passada no SBT Meio-Dia, quando os jovens e alegres apresentadores do SBT Meio-Dia, comemoraram o aniversário da Cybele Fávero. Talvez nem tenham se dado conta, mas não respeitaram o distanciamento que tanto aconselham ao pessoal de casa.

 

Losekann

O repórter Marcos Losekann, da TV Globo, em Brasília, de marcante passagem pela RBS Santa Catarina, deu um passo adiante. Sábado, 28, em banca, que teve a presença do ex-ministro do STF Ayres Britto, apresentou o trabalho de conclusão do curso de Direito. Foi aprovado com menção honrosa.

Tema do Marcos: Fake News. Parabéns a ele.  

 

Apresentadoras

Já está longe o tempo em que diziam que as mulheres não entendiam de futebol. Sinal positivo dos novos tempos, é cada vez maior a presença delas nos programas esportivos da TV. Um pouco escondida na Fox Sports está uma das melhores do novo time: Lívia Nepomunceno.

Ela apresenta e comenta futebol. Na primeira transmissão na Copa do Nordeste ela disse que a caminhada feminina começou há muito tempo "lá em 1980, com Germana Garilli, Regiane Ritter e Marilene Dabus".

"Não é de hoje e tem muito trabalho pela frente. A presença feminina nas transmissões esportivas um dia será encarada com naturalidade e não será mais chocante", afirmou ela.

Tags:
multimidia claiton selistre bastidores comunicação TV rádio jornal
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Claiton Selistre

Claiton Selistre

Jornalista formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, foi diretor de Jornalismo por 25 anos da RBS TV, TVCom e Rádio CBN/Diário em Santa Catarina. Antes atuou na  Rádio e TV Gaucha do grupo RBS e em redações de jornal, rádio e tv do grupo Caldas Jr. em Porto Alegre. Foi também repórter da na Sucursal do Jornal do Brasil. Planejou e Coordenou coberturas multimídia nas Copas do Mundo de Futebol na Alemanha, Argentina, Espanha, México, Itália, Estados Unidos, França e Japão/Coréia. Dirige a Making of há seis anos.

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!