Março 23, 2020

Impacto nas empresas catarinenses durante primeira semana de restrições

Impacto nas empresas catarinenses durante primeira semana de restrições

Os negócios catarinenses sofreram um grande impacto logo na primeira semana de restrições diante do avanço da Covid-19. Um levantamento realizado pela ACIF, em parceria com a rede de Associações Empresariais de Santa Catarina, entre os dias 19 e 21 de março, junto a 641 empresários, indicou que 80,1% dos entrevistados tiveram queda superior a 20% no faturamento normal, podendo chegar a até 100% em alguns casos. Do total, somente 19,9% conseguiram manter o ritmo constante ou mesmo crescer neste período - 72,4% deles são do ramo de serviços, que dependem menos de sede física.

Cerca de 13% já realizaram demissões e 83,9% ainda mantêm inalterado o quadro de colaboradores. Entre as principais dificuldades, as três mais relevantes foram a queda de vendas/faturamento (57,5%), falta de crédito/capital de giro (13,5%) e falta de informação (9,4%). Para 87,8% dos entrevistados, a situação estará pior nesta semana, em comparação à anterior.

Trata-se de o início de uma série de consultas periódicas para monitoramento dos impactos da crise nas empresas catarinenses, com apoio de todas as associações empresariais de Santa Catarina.

"As próximas ampliarão o alcance estadual, já que esta foi concentrada na Grande Florianópolis. Os resultados já demonstram muitas dúvidas e a expectativa para uma grande crise, além da exigência de medidas econômicas para enfrentá-la e vislumbrar a recuperação posterior", afirma Rodrigo Rossoni, presidente da ACIF.

Tags:
Covi-19
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Redação Making Of

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!