Setembro 27, 2021

Nossa Jogada

Nossa Jogada
Foto divulgação Imprensa Avaí F. C.

1 - Reforço aos 38 anos

Jadson, na foto acima com o presidente Francisco Battistotti, completará no dia 5 de outubro 38 anos. Ele foi contratado pelos diretores de futebol do Avaí Felipe Ximenes e Marquinhos Santos junto ao Athletico Paranaense, que será responsável pelo pagamento do salários do jogador até dezembro. O Avaí não terá nenhum custo, mas é bom lembrar que estes dois dirigentes deixaram sair de graça o atacante Jonathan, com 22 anos de idade, para este mesmo Athletico. Mario Petráglia deve estar rindo.

2 – Liberados aos 18 anos

Ainda jovens: Raphinha, 18, Gabriel Magalhães, 18 e Jonathan, 22, foram cedidos pelo Avaí, um deles sem ter jogado no time titular. Raphinha foi transferido para o Sporting, de Portugal, passou pelo futebol francês e hoje defende o Leeds. Nesta semana foi convocado para a Seleção Brasileira; Gabriel, 23 anos, foi do Avaí cedido ao Lille, da França, que o transferiu para o Arsenal, onde joga, como jogou neste domingo, dia 26, contra o Totthenham, também da Inglaterra. Jonathan sai livre e fica até o final do ano e em 2022 irá defender o Athletico, este mesmo que cedeu Jadson com 38 anos de idade, ao Avaí. Alguém pisou na bola! Abaixo, na foto Gabriel com Saka, após o 2º gol nos 3 a 1 sobre o Totthenham.


Foto do Thesun.co.uk


3 - Segue a resenha

Pois este mesmo jogador do Avaí, Gabriel, que foi titular no jogo deste último domingo (26/09) defendendo o Arsenal, é do time que dispensou, no final da temporada 20/21, em maio, o zagueiro David Luiz contratado pelo Flamengo e anunciado como reforço, qualificado de o melhor zagueiro brasileiro que não foi convocado. Na temporada 2020/2021 David foi reserva de Gabriel. Nossos dirigentes e torcedores vivem do passado.

4 – Mais um para lembrar

Assistindo a um jogo da Liga Italiana vi, pela televisão, Walace jogando na Udinese. Lembra que ele foi liberado para o Grêmio, que cedeu Marquinhos Santos ao Avaí, com salários pagos pelo time gaúcho. Agora o Athletico faz o mesmo.

5 – Um time de veteranos

Os torcedores provincianos gostariam de ver vestindo a camisa do time da casa uns jogadores como estes: Fábio (goleiro), 40; Daniel Aves, 38; Miranda, 37; Betão, 37; Felipe Luís, 36; Felipe Melo, 38; Nenê, 40; Diego, 36; Jadson, 38; Fred, 37 e Wellington Paulista, 38. Como reservas viriam:  Jô, 34; Apodi, 34; David Luiz, 35; Rafinha, 36; Hernanes, 38; Nino Paraíba, 35; Gil, 34; Miranda, 37; Hulk, 35; Fábio Santos, 36 e Cássio (goleiro), 34. Eles iriam festejar a chegada de cada um deles, como fizeram com Loco Abreu. 

6 - Classificado por disciplina

O Avaí se classificou por disciplina para a semifinal do Campeonato Brasileiro de Aspirante sub-23, apesar de ter perdido para o Fortaleza por 1 a 0, o Bahia venceu o Bragantino por 4 a 1. O Bahia terminou esta fase igualado ao Avaí na tabela de classificação, em tudo, menos no número de cartões amarelos. Assim: Fortaleza, Avaí, Grêmio e Ceara são os semifinalistas. O Figueirense não passou, como não passou na Série C.

7 - O Torcedor perdulário

Esquece que o Figueirense está sem crédito, falido e pagando dívidas parceladas graças a uma liminar, mas o torcedor acredita que a diretoria pode reestruturar o clube e o time sem dinheiro.

8 - O drible de Gilson

Aquele Gilson, o Gênio que jogava no Fluminense e, que num jogo contra o Vasco da Gama, quando Abel Braga era zagueiro do time dos portugueses, conta neste vídeo como deu o drible de Gilson que o transformou em Gilson, o Gênio, que está na história e folclore do futebol. Vale a pena assistir e rir com as gargalhadas do Paulo Cesar Caju: aqui.

 

9 – Cachopa de Marimbondo

No jogo do Brusque contra o Londrina, um torcedor gritou para o jogador Celsinho que ele deveria cortar o cabelo que mais parecia uma cachopa de abelha. O jogador sentiu-se ofendido, considerou como uma injuria racial e, o TJD do futebol brasileiro aceitou a denúncia, punindo o Brusque com a perda de três pontos e multa. Eu, quando era garoto, costumava gozar meus amigos, que apareciam com algum penteado novo, como uma cachopa de marimbondo. Eu não concordo que qualificar um penteado, se trata de uma injuria racial. O Avaí enfrenta amanhã Londrina e que nenhum torcedor faça qualquer comentário sobre a cabeleira do Celsinho.


10 - Amistosos


Reprodução

Tite, treinador da seleção brasileira, logo após anunciar a relação dos convocados com duas novidades: Raphinha Leeds e Antony do Ajax, fez um apelo ao presidente da CBF e a Juninho Paulista, diretor de futebol, para que marquem amistosos contra qualquer seleção europeia. Estes só poderão acorrer no segundo semestre de 2022, quando não haverá mais jogos pela fase de classificação ao Mundial do Catar, que será realizado em dezembro de 22. Agora em outubro a seleção jogará contra a Venezuela, em Caracas dia 7; Colômbia, em Barranquilla dia 10 e Uruguai, em Manaus dia 14.

11 - Calendário

O Avaí FC jogou sábado (25) e venceu o CRB elo Campeonato Brasileiro Série B, amanhã, dia 28, enfrenta o Londrina, as 16H;  no sábado, dia 02 de outubro, às 16h, enfrentará o Botafogo no Rio e no domingo (03), às 15h, na Ressacada, será a vez do Hercílio Luz pela Copa Santa Catarina. O Figueirense jogou contra o Criciúma sábado, encerrando a fase de classificação da Série C e venceu por 2 a 1, mas não se classificou. Dia 3 de outubro enfrentará, no Scarpelli, o Joinville pela Copa SC. O Figueira tem 4 pontos e o Hercílio Luz, líder, tem 6 pg.

 

FIM.

Tags:
futebol nossa jogada paulo brito
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Exclusivo

Nossa Jogada

Novembro 29, 2021
Exclusivo

Nossa Jogada

Novembro 25, 2021
Exclusivo

Nossa Jogada

Novembro 22, 2021
Exclusivo

Nossa Jogada

Novembro 18, 2021

Paulo Brito

Paulo Brito

Paulo Brito nasceu em Florianópolis, graduou-se em jornalismo na PUC RS em 1972, mas desde 1971 exerce o ofício de comentarista esportivo, tendo trabalhado em jornais, rádios e televisões nas praças de POA, SP, BCN e FLN. Foi professor do IEE: - Instituto Estadual de Educação e no Colégio Catarinense, profissão que o levou a UFSC: - Universidade Federal de Santa Catarina onde permaneceu até 1998. Foi membro da Comissão que criou o Curso de Jornalismo na Federal de SC.

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!