Fevereiro 24, 2021

Os olhos das mulheres

Os olhos das mulheres

Março está chegando e vai se falar muito – e com toda a razão – dos direitos das mulheres. Embora tenhamos protagonizado avanços importantes nos últimos anos, precisamos avançar muito mais. Por isso, a cada ano, a pauta do dia da mulher – 8 de março – se amplia.

É preciso, sempre, que a gente fale sobre saúde, principalmente de coisas ainda pouco conhecidas pela sociedade. Por exemplo: você sabia que as mulheres são mais propensas a ter problemas de visão?

Não há consenso na comunidade científica, mas diversos estudos apontam que as raízes podem ser, além de genéticas e socioeconômica, hormonais. Há receptores hormonais em alguns tecidos oculares, então as mudanças – provenientes da gravidez e da menopausa – também podem contribuir para o aparecimento de problemas de visão. Por isso, é tão importante o acompanhamento de um especialista.

 

Por mais campanhas de prevenção

A médica diretora do Hospital de Olhos de Florianópolis (HOF), Cláudia Nascimento, lembra que a higiene é uma das principais ações de prevenção das doenças oculares. “Evite coçar os olhos, pois as mãos nem sempre estão limpas, remova a maquiagem antes de dormir, evite a exposição dos olhos ao sol e utilize colírios somente quando necessário, com prescrição médica”, recomenda.

Segundo ela, “o grande desafio para evitarmos as doenças oculares é avançar nas campanhas de informação e de prevenção”. Tomara que o 8 de março sirva também para isso.

*****

 

Férias das tesouras  Foto Paes e Lima Comunicação

Mas por pouco tempo! Depois de um ritmo frenético de trabalho, o empresário e cabeleireiro Bressan tirou uns dias de descanso e aproveitou para conhecer as Maldivas, no Oceano Índico, onde comemorou seu aniversário. O país é conhecido pelas praias, lagoas azuis e extensos recifes.

Com mais de 35 anos de profissão, Bressan dá mais um importante passo na sua carreira no mês de março: inaugura mais uma unidade do seu salão, no térreo do shopping Beiramar. Parabéns por tudo!

*****

 

Múltipla Dança

Um dos 20 artigos do e-book Múltipla Dança- Festival Internacional de Dança Contemporânea - 10 Anos em Encontros, que será lançado virtualmente no dia 9 de março, destaca a força da fotografia como um dos principais recursos para a construção de memória de um evento voltado à valorização da dança contemporânea. 

 

O capítulo Múltiplas Imagens reúne um legado documental de 42 fotografias de Cristiano Prim, profissional que integra a equipe do Múltipla Dança- Festival Internacional de Dança Contemporânea que realiza sua 11ª edição entre 24 e 30 de maio de 2021 (foto Vanessa Soares)

 

Licenciado em educação artística pela Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), Prim foi fotógrafo do teatro Ballhaus Naunynstraße em Berlim, na Alemanha, em 2016 e integrante do Grupo Cena 11 Cia. de Dança como fotógrafo e cenotécnico (1995-2014), atualmente realiza trabalhos de foto e vídeo para o grupo.

 

Feito um mago, capta o movimento e cria imagens insólitas que ajudam a constituir uma história da dança de Santa Catarina e do Brasil. Na tarefa de documentar o Múltipla Dança, ele alcança resultados extraordinários, o que se comprova no livro.

*****

 

Foco na holding

Victor Conceição, o irrequieto empresário manezinho, começou 2021 com tudo. Inaugura no próximo mês a 46ª unidade da rede Barbearia Vip na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, a segunda na Cidade Maravilhosa.  E a franquia do Floripa Airport , como novos franqueados, apresentou aumento de 40% no movimento em relação a 2020.

E sua holding, a VC Group, além da Barbearia Vip, foca na Eletrolife, a academia por eletroestimulação que tem unidades em Floripa e Balneário Camboriú e virou franquia. Raphael Correa e Renato Muniz são os parceiros na Eletrolife.

 

Tags:
social entretenimento Floripa Florianópolis gente festas eventos agenda
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Yula Jorge

Yula Jorge
Jornalista graduada pela UFSC. Antes disso estudou e viveu quatro anos entre o Canadá e os Estados Unidos e quando retornou a sua terra natal, Goiânia, graduou-se pela PUC em Secretariado Bilíngue. 
Logo mudou-se para Florianópolis, ingressou na Universidade Federal, e da ilha não saiu mais. Atua como colunista desde 2012, assinou uma coluna diária no jornal Notícias do Dia por alguns anos, e, paralelamente, foi repórter da RICTV Record e Record News. Traz todos os dias o que rola de especial em Floripa: sobre quem acontece, empreende, se engaja em causas legais. O que inaugura, as festas bombásticas, as melhores casas, restaurantes, os shows, as ações bacanas e o voluntariado.

Comentários

Rancho Açoriano

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!
Onze 2