Dezembro 04, 2020

Programa Timeline choca internautas e patrocinador

Programa Timeline choca internautas e patrocinador
Reprodução

Um dos cronistas mais admirados pelos gaúchos David Coimbra e a jornalista Kelly Matos causaram grande polêmica nas redes sociais ao comentarem, no programa Time Line, de quarta-feira, 2, o assalto a banco que apavorou os criciumenses*. A ironia dos apresentadores – muitos pontos acima do normal, risos e frases polêmicas chocaram internautas.

E inclusive um dos patrocinadores, que é banco, decidiu retirar o patrocínio do programa, segundo esta nota que divulgou: “Diante da repercussão negativa sobre o conteúdo divulgado no programa Time Line, da Rádio Gaúcha, exibido em 02/12, onde os jornalistas Kelly Matos e David Coimbra comentam os fatos do assalto a uma agencia do Banco do Brasil, definimos rescindir o contrato de patrocínio, que deve cumprir o aviso prévio de 30 dias a partir da data do cancelamento.
A Unicred respeita a liberdade de imprensa e o trabalho realizado pelos jornalistas e pela RBS, no entanto não compactua com os comentários realizados a respeito dos bancos e assaltantes.”

 

Frases

Coimbra começou a participação dizendo que os bandidos foram organizados e tiveram método, e, mais do que isso, eles tiveram “respeito pelo cidadão”.

“Perguntaram ao funcionário do banco: ‘quanto tu ganha?’. O cara disse dois ou três mil....  tá vendo só, por isso que estamos assaltando. Não estamos tirando dinheiro de ninguém, é dinheiro do banco ”, afirmou o apresentador, classificando a explicação dos assaltantes de “ideológica, existia uma filosofia no assalto deles”.

E completou: “eles fazem isso aí só para pegar a instituição, é aquele dinheiro que eles querem, não é algo contra o cidadão”.

Kelly, por sua vez, lembrando o filme “O Assalto ao Trem Pagador”, disse que “o crime não é roubar banco, é fundar banco”.

 

Reportagem

No final do programa, um repórter da Gaúcha entrou de Criciúma para dar os detalhes do assalto, mas não chegou ao final das informações porque o tempo do programa acabou.

Em nenhum momento, mesmo com as informações do assalto dramático para os criciumenses, que ficaram encurralados em casa, ouvindo tiros e vendo os bandidos em ação pelas ruas da cidade, os apresentadores fizeram menção que os comentários feitos tinham sido um erro ou deveriam ser interpretados como ironia.       

Pelo menos, poderiam ter deixado o benefício da dúvida sobre suas intenções.

 

*Ouça o programa na íntegra abaixo:

Tags:
comunicacao
Compartilhe: Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Linkedin

Artigos Relacionados

Redação Making Of

Comentários

Media Social

Fique por dentro

Receba novidades no seu e-mail!