17.3 C
fpolis
17.3 C
fpolis
terça-feira, 16 agosto, 2022

Telemarketing abusivo cai 55% após restrições da Anatel

Pixabay
Últimas notícias

O volume de chamadas telefônicas de duração curta registrou uma queda de 55% após a ação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que em junho determinou uma série de medidas para coibir o telemarketing abusivo e o uso de robocalls.

De acordo com a agência, a queda foi de 1,21 bilhão na semana de publicação da cautelar para cerca de 0,55 bilhão de ligações na semana de 10 a 16 de julho (semana 11).

Os dados semanais indicam queda consistente e constante no volume de chamadas curtas geradas nas redes dessas prestadoras, respondendo às iniciativas de enfrentamento adotadas pela Agência.

Conforme a agência, os principais ofensores são empresas que que oferecem infraestrutura de telecomunicações para centrais de atendimento, empresas de serviços especializados de teleatendimento, telemarketing e cobrança, empresas de telecomunicações e do setor financeiro. Também foram observadas empresas de varejo, turismo, supermercados e entidades que pedem doações, dentre outras.

Para as empresas de telefonia que descumprirem as medidas, a multa pode chegar até R$ 50 milhões.

Mais notícias para você
Últimas notícias

Justiça condena apresentador Gilberto Barros à prisão por crime de homofobia

O apresentador Gilberto Barros foi condenado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) a dois anos de prisão...
.td-module-meta-info { font-family: 'Open Sans','Open Sans Regular',sans-serif; font-size: 14px !important; margin-bottom: 7px; line-height: 1; min-height: 17px; } .td-post-author-name { font-size: 14px !important; font-weight: 700; display: inline-block; position: relative; top: 2px; }