14.3 C
fpolis
14.3 C
fpolis
quarta-feira, 29 junho, 2022

Apple reassume posição de marca mundial mais valiosa

Últimas notícias

A Apple está no topo da classificação das Marcas mundiais mais valiosas do Kantar BrandZ de 2022 e a caminho de tornar-se a primeira marca de trilhões de dólares. Com um valor de marca de US$ 947,1 bilhões, se destaca por seu alto grau de diferenciação e diversificação continuada, englobando hardware, software e portfólio de serviços.

O Google vem em segundo lugar, sendo um dos destaques de crescimento mais rápido na classificação e com um aumento no seu valor de marca de 79%, ou US$ 819,6 bilhões. Seu conjunto de aplicativos de trabalho e produtividade é parte essencial da vida dos consumidores em todo o mundo.

O valor combinado das 100 marcas globais mais valiosas aumentou em 23%, ou US$ 8,7 trilhões no último ano, destacando a importância da força das marcas ao navegar em uma economia global desestabilizada.

37 marcas melhoraram sua classificação este ano. Em 2022, mais de ¾ do valor de marcas advém de companhias americanas. As categorias de Mídia e Entretenimento, Soluções de Negócios, Provedores de Tecnologia e Varejo respondem por mais de metade do valor total da classificação das 100 Maiores.

Mercado Livre é a única marca latino-americana no Top 100 das marcas mais valiosas e é a primeira da Argentina a chegar ao ranking Kantar BrandZ desde sua criação, em 2006. Maior ecosistema de e-commerce e pagamentos online da América Latina, a marca ingressa na 71ª posição, com um valor de US$ 29,916 milhões.

As principais tendências destacadas no estudo global da Kantar BrandZ incluem:

MICROSOFT, ZARA E IBM estão entre as primeiras no novo Kantar Sustainability BrandZ Index, mostrando que a sustentabilidade já responde por 3% do valor da marca e espera-se seu crescimento.
TESLA é uma das maiores histórias de sucesso do ano, saltando da 47ª posição para a 29ª e espelhando a tendência de vendas mundiais de veículos elétricos, com mais que o dobro de 2021.
LOUIS VUITTON (n.º 10; US$ 124,3 bilhões) é a primeira marca de luxo a alcançar as 10 maiores globais, o que reflete o crescimento do mercado mundial de artigos de luxo, particularmente na China. A Louis Vuitton obteve um crescimento de 64% no valor da marca esse ano, e é a primeira europeia a alcançar as 10 Maiores globais desde 2010.
ESTREANTES na classificação de 2022 emergem de uma variedade de categorias. A marca Aramco, uma das maiores companhias integradas de energia e produtos químicos do mundo, estreou na posição mais alta, em 16º lugar. A Infosys, empresa indiana de serviços de TI e consultoria, chegou ao 64º. A marca latino-americana Mercado Livre entrou na 71ª posição.
AS MARCAS CHINESAS continuam fortes, apesar de enfrentarem desafios singulares com a pandemia, figurando duas vezes entre as 10 Maiores globais, com a Tencent em 5º lugar e a Alibaba em 9º. A China também é o único mercado a rivalizar com a dominância dos EUA na categoria de Mídia e Entretenimento, com o WeChat na 5ª posição e o TikTok na 9ª.

Mais notícias para você
Últimas notícias

Vídeo mostra momento em que míssil atinge shopping na Ucrânia

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, divulgou no Facebook um vídeo que mostra o momento exato que um míssil atingiu...
.td-module-meta-info { font-family: 'Open Sans','Open Sans Regular',sans-serif; font-size: 14px !important; margin-bottom: 7px; line-height: 1; min-height: 17px; } .td-post-author-name { font-size: 14px !important; font-weight: 700; display: inline-block; position: relative; top: 2px; }