27.3 C
fpolis
27.3 C
fpolis
segunda-feira, 5 fevereiro, 2024

Diversidade de estilos marca a 27° edição do Planeta Atlântida

Foto: Agência Preview
Últimas notícias

Uma festa marcada pela diversidade de gerações e de estilos presente tanto no palco quanto na plateia. Assim é o Planeta Atlântida, tradição de verão no litoral gaúcho que se renova a cada ano.

Com realização do Grupo RBS e da DC Set Group, o maior festival de música do Sul do Brasil reuniu mais de 30 atrações e cerca de 80 mil pessoas em dois dias. Realizado na praia de Xangri-lá, o Planeta encerrou sua 27ª edição na madrugada deste domingo (4), anunciando sold out de ingressos e reafirmando sua relevância no circuito de festivais do país.

O festival confirmou seu ecletismo de gêneros unindo do sertanejo (Gusttavo Lima) ao eletrônico (Alok), do funk (Pedro Sampaio) ao pagode (Thiaguinho e Menos é Mais), dos clássicos de um ícone do rock nacional (Os Paralamas do Sucesso) a hits de ícones do pop (Luísa Sonza e Ludmilla), do emo (Fresno e NXZero) ao rock de humor nonsense (Diogo Defante). Neste ano, o Planeta também se rendeu ao rap de MC Cabelinho e ao trap, elegendo o 30PRAUM, selo formado pelo trio Matuê, Teto e Wiu, como atração de encerramento, em um show inédito. E, pela primeira vez, os melhores momentos de dois dias de música foram atração na Rede Globo, no último domingo (4), logo após o BBB, com apresentação de Ana Clara Lima. O especial trouxe trechos de shows e entrevistas de artistas do line.

Realizada na Saba (Sociedade de Amigos do Balneário de Atlântida), casa do festival desde seu início, em 1996, esta edição teve transmissão inédita ao vivo pela RBS TV, afiliada da Rede Globo no Rio Grande do Sul, e reverberou ainda pela Internet, em cobertura pelos canais de YouTube Lives Atlântida e Atlântida Fora do Ar. A partir do Estúdio Atlântida no Planeta, a rádio que dá nome ao festival também levou todos os detalhes da festa em uma programação robusta, com mais de 40 horas no ar.

“Neste ano, apresentamos um festival com ainda mais diversidade e experiências. E com novidades: amplificamos o Planeta para além do que acontece na Saba, com transmissão nos canais digitais da Rede Atlântida e na TV para todo o Rio Grande do Sul, e em um programa especial, pela primeira vez em rede nacional. O Planeta está ficando do tamanho do planeta, e isso tem que ser motivo de orgulho para o público gaúcho”, afirma Caroline Torma, diretora de Marketing do Grupo RBS e head do Planeta Atlântida.

Entre os muitos destaques desta edição, está o show de drones no show de Alok, que saudou o público gaúcho com um “Bah Tchê” iluminado no céu, além das inúmeras parcerias e participações especiais realizadas – como Armandinho e a cantora estreante no festival Ana Gabriela (ovacionada pelo público), Luisa Sonza com Duda Beat e também com Neto Fagundes, Oruam com TZ da Coronel, Ariel B e Vivi, Gabriel, O Pensador com Armandinho – marcando a fusão entre estilos que tanto caracteriza o festival.

A prata da casa também garantiu espaço nos dois palcos. Integrante da lista de artistas que mais se apresentaram na história do festival, Armandinho fez seu 15º show no Planeta, arrebatando o público como se fosse a primeira vez. Esta edição trouxe ainda nomes ícones do rock e do pop gaúcho, caso de Comunidade Nin-Jitsu, Reação em Cadeia, Fresno e Papas da Língua. Já o representante da nova geração Vitor Kley combinou seu som ensolarado com a energia “pra cima” do festival.

Reconhecido neste ano como evento do calendário oficial do RS, o Planeta impacta positivamente na economia local, um exemplo são as mais de 3 mil pessoas credenciadas para trabalhar em cada dia de evento.

O Planeta Atlântida também é case de sucesso na área comercial. A 27ª edição foi realizada em parceria com 18 marcas. O festival contou com patrocínio master de Renner, Ulbra, Banrisul, Coke Studio e Budweiser e teve apoio de Red Bull, Panvel, Corsan, Marcopolo, Iesa, Melnick, Nomo, Da Colônia, Três Corações, Bib’s, Mr. Jack, Asgav e Detran.

O foco na sustentabilidade foi outro destaque desta edição, que contou com a distribuição de 80 mil copos, incentivando que os planetários acessassem os quatro pontos de distribuição de água gratuita espalhados pela Saba. Com consultoria de uma empresa especializada, o Planeta realizou a edição mais sustentável de sua história, um legado para os próximos anos.

Mais notícias para você
Últimas notícias

Oakley leva Podpah ao Super Bowl 2024

Dois dos principais comunicadores do país, Igão e Mítico, do canal Podpah, estarão no Super Bowl 2024, a final...
.td-module-meta-info { font-family: 'Open Sans','Open Sans Regular',sans-serif; font-size: 14px !important; margin-bottom: 7px; line-height: 1; min-height: 17px; } .td-post-author-name { font-size: 14px !important; font-weight: 700; display: inline-block; position: relative; top: 2px; }