18.3 C
fpolis
18.3 C
fpolis
domingo, 29 maio, 2022

França libera saudita detido por engano devido a assassinato de jornalista

Últimas notícias
França libera saudita detido por engano devido a assassinato de jornalista
Foto: reprodução/CNN

O saudita preso ontem, 7, em Paris não é o indivíduo procurado pelas autoridades por ter participado do assassinato do jornalista Jamal Khashoggi. O anúncio foi feito hoje, 8, pela procuradoria-geral da capital francesa, que indicou ter libertado “o suspeito”.

Segundo as informações da Folha de São Paulo, os oficiais concluíram que houve uma confusão de identidade e que não se tratava de Khaled Aedh Al-Otaibi, ex-guarda real da Arábia Saudita apontado como envolvido no crime. O detido era um homônimo.

O jornalista Khashoggi, crítico do príncipe Mohammed, foi visto pela última vez entrando no consulado saudita em Istambul no dia 2 de outubro de 2018. Autoridades turcas acreditam que após ser morto o corpo dele foi desmembrado e retirado do local. Os restos mortais não foram encontrados.

Um relatório de inteligência dos Estados Unidos divulgado em março disse que o príncipe Mohammed aprovou a operação para matar ou capturar Khashoggi. O governo saudita nega qualquer envolvimento do príncipe herdeiro e rejeita as conclusões do relatório.

Mais notícias para você
Últimas notícias

Jesse Koz e Shurastey serão homenageados com pintura e dog park em BC

O influenciador Jesse Koz e o cão Shurastey, que morreram em um acidente de trânsito nos Estados Unidos, na...
.td-module-meta-info { font-family: 'Open Sans','Open Sans Regular',sans-serif; font-size: 14px !important; margin-bottom: 7px; line-height: 1; min-height: 17px; } .td-post-author-name { font-size: 14px !important; font-weight: 700; display: inline-block; position: relative; top: 2px; }