Portal Making Of

Remédio contra covid deve custar R$ 2.700 em farmácias

Recentemente autorizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Anvisa para ser vendido em farmácias, o Paxlovid, remédio comprovadamente eficaz contra a Covid-19, deve chegar às prateleiras custando R$ 2.700. A informação é do portal UOL.

Como apenas 100 mil doses foram encomendadas pelo Governo Federal para o SUS, o vice-presidente da SBI (Sociedade Brasileira de Infectologia), Alexandre Naime, disse à reportagem que o tratamento pode acabar “elitizado”.

“A indústria farmacêutica, por saber que a encomenda pública é pequena, pediu para vender no privado, o que já foi autorizado e deve chegar às farmácias em dezembro”, disse.

No Brasil, a Anvisa aprovou o remédio em março. Das 100 mil doses, apenas 50 mil foram entregues em 29 de setembro entre os 26 estados e Distrito Federal, enquanto o restante está previsto para chegar no início de 2023.

O Paxlovid é composto por dois medicamentos ingeridos simultaneamente: cada dose contém dois comprimidos do nirmatrelvir, de cor rosa, e um do ritonavir, branco.

Enquanto o primeiro inibe a liberação das proteínas de replicação do vírus, o segundo diminui a assimilação do primeiro comprimido pelo organismo, que, em maior quantidade no sangue, combate o vírus.

Os colunistas são responsáveis por seu conteúdo e o texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal Making of.