Portal Making Of

Educação em Estado de Greve

Foto: Manifestação em prol da educação em frente a Alesc / Crédito: reprodução.

A falta de atenção do governo do estado de Santa Catarina em relação às demandas dos professores da rede estadual se torna evidente, especialmente quando comparada ao programa Universidade Gratuita pelo Governador Jorginho Mello. Afinal, qual é a prioridade se não a própria educação?

Em uma assembleia realizada em Florianópolis nesta quinta-feira (17/8), os trabalhadores da educação estadual aprovaram um estado de greve e estabeleceram um calendário de mobilização. Caso o governo não apresente contrapropostas para as reivindicações da categoria, a educação estadual planeja paralisar suas atividades a partir de 12 de setembro, data marcada para a próxima assembleia estadual. Os educadores estão buscando valorização salarial através do reajuste do Piso Nacional, uma nova tabela salarial que reconheça a formação e tempo de serviço, aumento no vale-alimentação – atualmente o mais baixo no serviço público estadual com apenas R$ 12 por dia -, a revogação do desconto de 14% para aposentados, a realização de concursos públicos e a oposição aos projetos do governador Jorginho Mello que visam a privatização e terceirização da educação pública. Após a aprovação do estado de greve, os trabalhadores foram até a Assembleia Legislativa para protestar contra o governador, que estava na casa legislativa participando de uma homenagem ao ex-presidente Michel Temer.

 

Foto: Fiesc / Crédito: acervo pessoal Janine Alves.

Mais confiança. O corte da taxa básica de juros pelo Banco Central está influenciando a confiança da indústria em Santa Catarina, evidenciado pelo Índice de Confiança do Industrial Catarinense (ICEI), que permaneceu estável em agosto em 48,4 pontos, mas com o componente das expectativas para os próximos seis meses aumentando para 53,4 pontos devido à recente redução da taxa básica de juros. A pesquisa Sondagem Industrial também mostra desafios como a demanda interna insuficiente, altas taxas de juros e a carga tributária. O presidente da FIESC, Mario Cezar de Aguiar, acredita que a perspectiva de mais cortes nos juros sinaliza um panorama positivo para a atividade industrial no estado.

 

Foto: rofessora Andrea Trentin na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) / Crédito: Ana Beatriz Quinto.

Cura Inovadora. A pesquisa liderada pela professora Andrea Trentin na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) concentra-se em células encontradas em sobras de pele de cirurgias plásticas. Essas células estromais mesenquimais têm o potencial de acelerar a cicatrização de queimaduras, reduzindo custos no Sistema Único de Saúde (SUS). A pesquisa, que pode contribuir significativamente para a saúde pública, enfrenta desafios de financiamento para sua aplicação prática, mas demonstra perspectivas biotecnológicas amplas, incluindo aplicações na medicina humana e veterinária. Com essa iniciativa, a UFSC demonstra sua dedicação à pesquisa avançada e ao desenvolvimento de terapias inovadoras para melhorar a qualidade de vida e reduzir os custos de tratamento.

 

Foto: Carlos Ferreirinha, consultor e empresário / Crédito: divulgação.

Mundo sustentável. O ex-presidente da Louis Vuitton Brasil, Carlos Ferreirinha, é confirmado como palestrante em um painel sobre varejo no ESG Summit Brazil, um evento inovador em Florianópolis nos dias 21 e 22 de novembro. Ferreirinha, conhecido por sua experiência em gestão de marcas de luxo, enfocará como a sustentabilidade tem se tornado uma prioridade emergencial para várias organizações, incluindo o setor varejista. O evento reunirá líderes para compartilhar soluções e casos inspiradores visando um mundo mais sustentável e poderá ser acompanhado pelo Instagram @esgsummitbrazil e pelo site: https://esgsummitbrazil.com/.

 

Foto: Lojas Berlanda / Crédito: reprodução.

Em expansão. As Lojas Berlanda inauguraram unidade em Blumenau, Santa Catarina, como parte de sua estratégia expansiva, abrindo 10 lojas nos últimos 90 dias e alcançando quase 200 unidades em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul. A nova unidade em Blumenau é a 11ª aberta em 2023 e reflete o compromisso da empresa em estar mais próxima dos clientes. Adenilce Lugoboni, coordenadora de marketing da empresa, destacou a estratégia de focar em regiões menos atendidas pelos grandes varejistas. Com 29 unidades já presentes no Vale do Itajaí, o objetivo é expandir esse alcance para cada cidade de Santa Catarina.

 

Foto: Marco Favero / Secom

Aposta no Chile. O acesso aéreo facilitado entre Santiago e Florianópolis está impulsionando o crescimento do turismo chileno na cidade, seguindo o exemplo dos argentinos. No primeiro semestre deste ano, Santa Catarina já recebeu 204 mil turistas internacionais, com os chilenos emergindo como o segundo grupo mais numeroso. A rota direta entre as cidades operada por diferentes companhias aéreas contribui para esse aumento. Para aproveitar esse crescimento, o Destino Floripa & Região realizará o Florianópolis Day em Santiago, buscando promover a atração turística da região durante todo o ano para agentes de viagens, formadores de opinião e imprensa na próxima terça-feira, 22 de agosto.

 

Renegociação de dívidas. A Únilos, Cooperativa de Crédito da Grande Florianópolis, pertencente ao Ailos, sistema com mais de 1,5 milhão de cooperados, aderiu à iniciativa do sistema para auxiliar cooperados a reestruturar suas finanças, oferecendo uma campanha de renegociação de dívidas com condições especiais de pagamento e parcelamento. A ação visa mais de 100 mil cooperados, vislumbrando a recuperação de cerca de R$ 500 milhões, e estará em vigor até 30 de setembro, acessível através dos postos de atendimento e canais oficiais das 13 cooperativas Ailos.

 

Reprodução

Prepare o bolso! A Petrobras comunicou um novo aumento nos valores dos combustíveis comercializados com distribuidoras, marcando um acréscimo de R$ 0,41 por litro na gasolina e R$ 0,78 no diesel. A estatal explicou que essa decisão é uma resposta à estabilização dos preços do petróleo em uma nova faixa e às estratégias operacionais da empresa. Apesar do ajuste, a Petrobras enfatizou que os preços acumulados ao longo do ano ainda indicam uma redução de R$ 0,15 por litro para a gasolina e R$ 0,69 por litro para o diesel. O aumento entra em vigor na quarta-feira (16). Mesmo com essa atualização, o preço da gasolina permanece bem abaixo do preço médio R$ 6,71 por litro alcançado em 2022.

Os colunistas são responsáveis por seu conteúdo e o texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal Making of.

Compartilhe esses posts nas redes sociais:

Troca de Comando

Vanir Zanatta assume a presidência da Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina – OCESC, destacando metas de internacionalização e fortalecimento político e institucional.

Troca de Comando

Vanir Zanatta assume a presidência da Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina – OCESC, destacando metas de internacionalização e fortalecimento político e institucional.