Portal Making Of

Lavanderia pet friendly? Sim – e com serviço para roupa tradicional e animal

Olha que bacana, além do autoatendimento e serviço de lavagem tradicional, o espaço também disponibilizará máquinas exclusivas para roupinhas dos pets. O espaço escolhido para receber a primeira unidade da Duna Lavanderia Express foi o Multi Open Shopping. Tudo a ver! Já que o local tem uma pegada toda ecológica e a lavanderia utilizará equipamentos que permitem uma economia significativa de água e energia elétrica. Tanto que algumas pesquisas do segmento chegam a registrar 60% de economia em água e 20% em energia elétrica.

A empresa do casal Cacau Parreira e Joaquim Mitidiero (casal fofo da foto de capa, que mora no Campeche junto dos vira-latas caramelo Manteiga e Nina) vai disponibilizar os tradicionais serviços disponibilizados por uma lavanderia juntamente com esse grande diferencial, que é ser pet friendly.  Segundo os sócios, a ideia é oferecer para o público a mesma qualidade e praticidade também no cuidado com as roupas de pets.

“Esses itens costumam ser proibidos na maioria das lavanderias. E como a Nina e o Manteiga são integrantes da família, lavar as roupas, toalhas e panos deles é parte da nossa rotina. Como isso demanda toda uma preparação antes e limpeza da máquina depois, resolvemos compartilhar essa novidade. Teremos um equipamento destinado exclusivamente para roupas dos pets”, destaca o casal.

Autoatendimento

A operação da Duna será no modelo de autoatendimento e vai funcionar das 7h às 23h, de segunda a segunda. O funcionamento das quatro máquinas é bastante simples. No totem de atendimento a pessoa escolhe se vai lavar ou secar. Na sequência escolhe dentre uma das máquinas disponíveis, realiza o pagamento e num cesto medidor separa a quantidade de roupas que serão lavadas. Já a quantidade de sabão e do amaciante são dosadas e adicionadas automaticamente.

“Em 1h30 é possível lavar e secar as roupas. E enquanto espera, o cliente pode aproveitar para descansar no nosso espaço, no boulevard do MULTI ou ainda conhecer as demais operações”, salienta o casal.

De acordo com os sócios, as máquinas usadas na Duna são diferentes das que são usadas em casa. E como são industriais, possuem um desempenho superior na limpeza e secagem, além de fazer tudo isso num tempo super reduzido.

*****

Reconhecimento    Foto Ivo Gonçalves

O empresário catarinense Lucas Martins (esq), CEO da WVN Brasil e idealizador do ESG Summit Brazil, evento realizado em Florianópolis nesta semana, entregando ao CEO da Engie Brasil Energia, Eduardo Sattamini, o troféu da premiação que marcou o encerramento da programação.

Sattamini foi o vencedor na categoria Liderança Protagonista. “Recebo este reconhecimento em nome dos 3.500 colaboradores da Engie que trabalham no dia a dia para garantir que esses princípios de meio ambiente, social e governança estejam sempre presentes”, declarou Sattamini. O ESG Summit Brazil já tem duas edições confirmadas para 2024: uma em Florianópolis e outra em São Paulo.

*****

Sapiente, sangue bom e sagitariana!

Hoje é dia de emanar boas vibrações para a jornalista Carol Castro, que merece as coisas mais lindas dessa vida. Que você tenha sempre motivos para mostrar esse sorrisão pro mundo, amiga! Feliz aniversário. Bem feliz mesmo! Adoro você.

*****

Finalista do Prêmio Jabuti 2023

O jornalista e escritor catarinense Celso Vicenzi é finalista da 65ª edição do Prêmio Jabuti. Seu livro, Voar na Imaginação (Arte Editora), é um dos cinco melhores do ano na categoria Infantil. (Foto Sergio Vignes)

O resultado foi anunciado nesta terça-feira, dia 21, pela Câmara Brasileira do Livro (CBL). Esta é uma das mais tradicionais premiações literárias do País, que este ano teve 4.245 obras inscritas, divididas em 21 categorias em quatro eixos: Literatura, Não Ficção, Produção Editorial e Inovação.

“O presente de Natal este ano chegou adiantado”, disse Celso Vicenzi, ao comemorar o resultado. “Esta é a edição 65 do prêmio, eu estou com 65 anos e este é o meu primeiro livro infantil. Se isto significa alguma coisa, não sei, mas estou muito contente”, brincou o autor. “É muito além do que eu poderia sonhar e como estreante na categoria, que tem escritores consagrados, acho que sou uma autêntica zebra”, afirmou.

*****

Empoderando meninas e mulheres pretas

Está no ar a minissérie animada da rapper Mana Moa, de Florianópolis. São cinco episódios que falam sobre a trajetória de vida de uma mulher negra e periférica, mãe de duas meninas, que luta para inspirar e empoderar mais mulheres. Os vídeos estão disponíveis no Youtube!

O cabelo, usado como um importante artifício da narrativa, é um símbolo de resistência para a cultura negra, uma vez que coroa a beleza tão estigmatizada pelo racismo estrutural. Mana Moa mostra a força da mulher na música com letras que fazem pensar e dar esperança. No currículo ela tem mais de 100 apresentações e já abriu shows para artistas como Racionais, Criolo, Dexter e outros.

Link para assistir: https://www.youtube.com/watch?v=Zb7RDWMw38Q

*****

Presépios de Natal 

Estão em exposição no Casarão Gastronômico do Top Market três Presépios criados pelos artistas plásticos catarinenses Doralice Horn, Samara Will e Jone Cezar Araújo. Enquanto Doralice usou palha de milho para a construção do seu presépio, Samara criou o seu com técnicas de biscuit.

Já Jone, que é também o responsável pelo Presépio mais tradicional de Santa Catarina, o da Praça XV de Novembro, no Centro de Florianópolis, produziu uma peça inspirada na arquitetura de Oscar Niemeyer usando semi-joias. As peças criadas exclusivamente para o Top Market estão em exposição até a semana do Natal.

Vale lembrar ainda que no sábado (25), a partir das 15h, terá apresentação de banda natalina no food hall do Top Market. E no domingo (26), também às 15h, terá a tão aguardada chegada do Papai Noel. A programação é aberta ao público e a entrada é gratuita.

Os colunistas são responsáveis por seu conteúdo e o texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal Making of.