Portal Making Of

Importante é poder escolher a mídia

Foto: Reprodução/Freepik

O importante é ter a possibilidade de escolha falando em comunicação de todos os tipos. Há aqueles que preferem as redes sociais , o que é uma tendência sem volta, mas acabam atropelados por blogs de influencers e caem nas armadilhas das fake news. E ainda passam adiante.

Na mídia tradicional, há menos chances de escolha. No futebol local, ou acabam assistindo o narrador hashtag na NSC ou aquele pessoal de outro planeta da MB TV. Literalmente desconectados dos fatos, tanto que na pancadaria no intervalo de jogo em Joinville, Brusque x Avaí, simplesmente ignoraram os fatos, não mostraram nada e nem em áudio ou vídeo. A repórter de campo ficou muda, com a pancadaria ao seu lado.

Foto: Reprodução/ ge/SC

Agora que vem aí o campeonato nacional seremos entregues aos narradores e comentaristas da SporTV, a alguns que não tem nada a dizer, como Caio Ribeiro, Ricardinho, Roger Flores e Ana Thais Matos. Haja paciência!

Na TV a cabo, para quem gosta de se informar, há nem mais opções. A competição é grande, o que estimula desempenhos. Na prisão dos irmãos Brazão e do delegado Rivaldo, em um domingo, a GloboNews se agilizou e colocou uma grande quantidade de jornalistas em campo. Foi um “massacre” na CNN, por exemplo, que no horário estratégico colocava no ar um repeteco da entrevista com Gilmar Mendes. Em um dia comum já seria uma pauta sofrível, imagina em momentos como aquele!

Foto: Reprodução/GloboNews

 

E a pauta, esqueceram?

Falando nisso, a mídia local abandonou a elucidação do incêndio com caminhão de lixo em Jurerê e da diretora do Sintrasem que pode ter alugado o carro usado no crime.

Temos interesse no final dessa história, por isso não dá para abandonar o tema. Afinal, há dois incendiários vivendo entre nós.

 

Pisou na bola

Foto: Eduardo Guedes/Agência AL

Para quem conhece os bastidores, foi uma grande surpresa o governador Jorginho Melo nomear Roberto Salum para um cargo importante no Procon.

Pelo estilo do personagem que já ocupou espaços na TV.

As denúncias de assédio, portanto, são uma consequência, e vão ocupar bom espaço na mídia neste início de semana. Até porque Salum andou dizendo que encontrou falcatruas no Procon, talvez para tentar neutralizar o impacto das denúncias. Mas é bom ouvi-lo.

É bom seguir esse assunto com lupa.

 

Audiência e grana

Foto: Reprodução/TV Globo

O BBB24 vai chegando nos momentos finais, trazendo para a Globo audiência e muito dinheiro na comercialização.
Há uma espécie de “comércio paralelo”, que são dezenas de blogs e podcasts sobrevivendo com o desenrolar do programa.

E que registraram bastidores tumultuados em dois momentos, em que pelas regras alguns participantes deveriam se eliminados: quando Beatriz derrubou Sabrina Sato e quanto o favorito Davi brigou com Bin Laden.

Mas o que seria do resto do programa se os mais comentados pelo público caíssem fora? Consta que houve muita discussão sobre o que fazer, pesando no final da opinião dos patrocinadores e daqueles que querem manter a audiência em alta até o final.

 

IA

Donny de Nuccio, ex-Globo, fez sucesso nas redes sociais em um post que fala do uso de inteligência artificial na apresentação de programas de TV, como já acontece n Espanha.

Interessante ouvir:

 

Os colunistas são responsáveis por seu conteúdo e o texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal Making of.

Compartilhe esses posts nas redes sociais:

CBN recupera liderança de audiência

Pesquisa Kantar Ibope divulgada hoje, 10, mostra que a CBN recuperou a audiência em jornalismo/esportes que havia perdido para a Jovem Pan. Nos números obtidos

A mídia de joelhos

Os tabloides britânicos, entre eles The Sun e Daily Mail, e dezenas de artistas e influenciadores mundo afora ficaram de joelhos, envergonhados depois do anúncio

A estreia do Tá na Hora do SBT

O SBT enfim estreou ontem, 18, os programas de final de tarde chamados “Tá na hora”, o nacional, com Marcão do Povo e Cristina Rocha,

O que indicam os números do Ibope

As rádios que fazem jornalismo em Florianópolis disputam minuto a minuto a liderança no Kantar Ibope, conforme publicado por este Portal no início da semana

CBN e o fator Roberto Alves

Roberto Alves, aos 83 anos, se prepara para uma justa merecida aposentadoria depois de uma longa e vitoriosa carreira no rádio e na tv. É

Making of se renova aos 16 anos

Entregamos hoje aos leitores o novo design do Portal Making Of, quando chegamos aos 16 anos de atividades no formato “informação e opinião”. A ideia

O sucesso da Raquel incomoda

Raquel Krähenbül, 41 anos, é correspondente da Globo em Washington desde 2006 e ocupa posição de destaque entre os jornalistas que cobrem a Casa Branca.

CBN recupera liderança de audiência

Pesquisa Kantar Ibope divulgada hoje, 10, mostra que a CBN recuperou a audiência em jornalismo/esportes que havia perdido para a Jovem Pan. Nos números obtidos

A mídia de joelhos

Os tabloides britânicos, entre eles The Sun e Daily Mail, e dezenas de artistas e influenciadores mundo afora ficaram de joelhos, envergonhados depois do anúncio

A estreia do Tá na Hora do SBT

O SBT enfim estreou ontem, 18, os programas de final de tarde chamados “Tá na hora”, o nacional, com Marcão do Povo e Cristina Rocha,

O que indicam os números do Ibope

As rádios que fazem jornalismo em Florianópolis disputam minuto a minuto a liderança no Kantar Ibope, conforme publicado por este Portal no início da semana

CBN e o fator Roberto Alves

Roberto Alves, aos 83 anos, se prepara para uma justa merecida aposentadoria depois de uma longa e vitoriosa carreira no rádio e na tv. É

Making of se renova aos 16 anos

Entregamos hoje aos leitores o novo design do Portal Making Of, quando chegamos aos 16 anos de atividades no formato “informação e opinião”. A ideia

O sucesso da Raquel incomoda

Raquel Krähenbül, 41 anos, é correspondente da Globo em Washington desde 2006 e ocupa posição de destaque entre os jornalistas que cobrem a Casa Branca.