20.9 C
fpolis
20.9 C
fpolis
sábado, 3 fevereiro, 2024

Esto és fútbol, dá-lhe porrada e o dinheiro do Campeonato Catarinense 2024

Foto: Divulgação/Avaí F.C.
Últimas notícias

1 – Ganhar tempo

Há equipes modestas que cometem menos faltas e que interrompem o jogo, provocando perda de tempo, jogo sem brilho, sem “grandes” jogadas como se isso bastasse para o público. Um defeito crônico desse Campeonato Brasileiro. A perda de tempo incomoda muito mais com o marcador em contra e esse é o fundamento genético do Barroca, como se viu contra o Sport Recife.

 

2 – Cenário igual

E as narrativas dos torcedores do Avaí sobre o cenário que vive o Figueirense não é pior, nem mais dramática do que se vive na Ressacada. O Figueirense já está lutando por dinheiro e calendário, no Avaí, em toda incertezas que vive, gasta antecipado com a ilusão que permanecerá na Série B. E pouco se importa em Recber R$ 750 mil no primeiro jogo da Copa do Brasil de 2024.

 

3 – Não deu importância a Copa Santa Catarina

Foto: Divulgação/AvaÍ F.C.

Ontem, 1º de outubro, o Leão da Ilha perdeu mais uma na Copinha. Desta vez para o Hercílio Luz, em Tubarão, pelo placar de 3 a 1.

 

4 – Modesto goleador

Com o gol que Gustavo Modesto (foto acima) marcou contra o Hercílio Luz na derrota do Avaí por 3 a 1, valido pela Copa Santa Catarina o tornou o único atacante do Avaí a marcar em todas as competições que disputou com a camisa do Avaí em 2023 (Catarinense, Copa do Brasil, Série B, Copa SC e Copa SP – onde marcou 3 gols em 5 jogos). Mas o Departamento de Futebol prefere Jael. Ah, e tem torcedor também.

 

5 – Chegar aos 44 pontos e se salvar

Faltam nove jogos, para o Avaí e 27 a disputarem. Como 14 pontos a mais poderá permanecer; vencendo quatro, empatando uma e só pode perder quatro jogos. Olhe a seqüência na tabela para encerrar a participação dos clubes na Série B de 2023.

 

6 – Treinador de futebol

É pago para pensar e não deve ser um imitador. Quando time ataca, seus jogadores passam a ser caçados, ordena que devam defender, para manter resultados, passam a ser caçadores se expondo e cometendo faltas, invertendo a lógica e funções que aprenderam desde pequeno. O técnico tem medo, quer manter o emprego e obriga os jogadores a caçar os adversários. Lembrei do Carlos Roberto quando ponteiro pulava dos laterais, quando se tornou lateral jogava os ponteiros na pista e me dizia: “Uma coisa é uma coisa, outra coisa são outras coisas!”

 

7 – Estadual e TV

Foto: Divulgação/NSC TV

O contrato entre a FCF e NSCTV, para a transmissão dos jogos do Campeonato Estadual de 2024, foi assinado e irá render a quantia de R$ 2 milhões que serão divididos entre os clubes. Ele é restrito da TV Aberta que terá direito a 1 jogo por sábado. As transmissões por streaming poderão ser negociadas diretamente pela SC Clubes que representa: Avaí, Barra,  Brusque, Chapecoense, Concórdia, Criciúma, Figueirense, Hercílio Luz, Inter, Joinville, Marcilio Dias e Nação.

 

8 – SC – Líder “tropeça” em casa

Mas no jogo contra o Nação estava tão, mas não agüentou a correria do Nação de Joinville e tomou o empate no final em um jogo com seis gols. Pena que a torcida não vá ao estádio e deixa o espaço sem cadeira, reservada a ela vazio. Os diretores ainda alimentam a cobra que morde.

Foto: Divulgação/FFC

 

9 – Soteldo disse:

“Esto es fútbol, papá”! Os vascaínos não entenderam e o agrediram. Pura covardia. Assim há quem pense que: “Isto é futebol”. Uma frase de um vilão ou vilões que tiveram um papel secundário em Hollywoodmatar o herói. Há autores que gostam de dar relevância escavando os traumas infantis e humanizar essa parcela escura da nossa sociedade, porque  sem ela a vida não teria emoção.

 

10 – O Figueira tentou

Mas o Brusque conseguiu, com 12 pontos – (veja a tabela abaixo), faltando um jogo, o time do Berço da Fiação Catarinense voltou a Serie B do Brasileiro em 24. Nem perde a liderança e disputará o titulo da Série C, para botar aquela estrela amarela que os avaianos se orgulham. No mata-mata poderá ter como adversários: São Caetano, Volta Redonda e Amazona. No domingo que vem, saberemos.

Foto: Reprodução

 

11 – Multa pro Sampaoli

O Flamengo tem que pagar 7,9 milhões, ainda não pagaram o Dorival que espera voltar, por isso os treinadores brasileiros não denunciam os clubes na CBF e Fifa. Os torcedores que pedem a saída do time deveriam pagar as multas, este novo que chegar será o sétimo em pouco tempo. O time, quando digo time, são os jogadores do Flamengo de agora não são os mesmos do tempo do Jorge Jesus. É difícil de entender?

 

12 – Red Bull

Por preconceito e por ideologia chamam de Bragantino ou de Massa Bruta, mas quero lembrar que a Ferrari e a Mercedes não deram muita importância quando a Red Bull entrou na Formula 1, o mesmo esta acontecendo com os clubes de futebol no Brasil que não acreditam no time “austríaco” que comprou o Bragantino em 2019.  Em menos de quatro anos é vice líder do Campeonato Brasileiro de Futebol. Tem 45pontos ganhos e o Botafogo 61, que joga hoje a hoje contra o Goiás.

 

FIM

Avatar photo
Paulo Brito
Paulo Brito nasceu em Florianópolis, graduou-se em jornalismo na PUC RS em 1972, mas desde 1971 exerce o ofício de comentarista esportivo, tendo trabalhado em jornais, rádios e televisões nas praças de POA, SP, BCN e FLN. Foi professor do IEE: - Instituto Estadual de Educação e no Colégio Catarinense, profissão que o levou a UFSC: - Universidade Federal de Santa Catarina onde permaneceu até 1998. Foi membro da Comissão que criou o Curso de Jornalismo na Federal de SC.
Mais notícias para você
Últimas notícias

Pequenas empresas respondem por 8 em cada 10 empregos criados em 2023

Pesquisa feita pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) - a partir de dados do...
.td-module-meta-info { font-family: 'Open Sans','Open Sans Regular',sans-serif; font-size: 14px !important; margin-bottom: 7px; line-height: 1; min-height: 17px; } .td-post-author-name { font-size: 14px !important; font-weight: 700; display: inline-block; position: relative; top: 2px; }