Portal Making Of

Florianópolis está entre cidades mais procuradas para curtir Carnaval 2023

Foto: Ricardo Wolffenbüttel / Secom

Com uma tradição carnavalesca (desfiles, blocos e shows variados) e turística, Florianópolis é a quarta cidade mais procurada do país para quem vem de ônibus curtir o feriado de Carnaval. É o que aponta levantamento da plataforma BuscaOnibus, que integra dados de mais de 250 viações no país.

A capital catarinense só está atrás de metrópoles como São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte no interesse dos viajantes rodoviários entre os dias 16 (quinta) e 19 (domingo), superando cidades com tradição na Folia, como Salvador (BA).

“O fato de Florianópolis estar bem posicionada neste ranking, mesmo com uma população menor do que as demais cidades, comprova o impacto que o Carnaval tem no aspecto turístico e econômico”, comena José Almeida, CEO do BuscaOnibus.

Além da Capital, o ranking Top 50 do país ainda tem Balneário Camboriú em 11º lugar, Itajaí em 22º, Joinville em 30º, Chapecó em 33º e Itapema em 49º.

A pesquisa mostra também os principais mercados emissores: lideram as buscas rumo a Florianópolis viajantes de São Paulo, Porto Alegre, Curitiba e Ribeirão Preto. Já quem mais procurou Balneário Camboriú como destino vinha do interior de São Paulo (Campinas e Ribeirão Preto) e Paraná (Francisco Beltrão).

 

TOP 5 DESTINOS SC PARA O CARNAVAL 2023:

1º. – FLORIANÓPOLIS (BR:4º.)

2º. – BALNEÁRIO CAMBORIÚ (BR: 11º.)

3º. – ITAJAÍ (BR:22º.)

4º. – JOINVILLE (BR:30º.)

5º. – CHAPECÓ (BR:33º.)

Compartilhe esses posts nas redes sociais:

Terra anuncia novas contratações

O Terra reforça seu time comercial com a chegada de Michele Lopes Gama e Guilherme Gonsales, ambos com passagens por grandes players do mercado como

Leia mais

Debate Diário, 25 anos

Quando o Debate Diário da rádio CBN for ao ar hoje, 19, estará cumprindo uma marca histórica do mais duradouro programa do rádio catarinense: 25

Temporais causam prejuízos em 17 cidades de SC

Ao menos 17 municípios catarinenses foram afetados com as fortes chuvas dos últimos dias. Foram registrados alagamentos, deslizamentos, quedas de árvores, destelhamentos e residências destruídas