Portal Making Of

Preso, Nobel da Paz pode não saber que ganhou prêmio

Agora vencedor do Prêmio Nobel da Paz, ativista Ales Byalyatski foi preso pelo governo de Belarus - Foto: ANDERS WIKLUND/TT News Agency/AFP via Getty Images

Um dos três vencedores do Nobel da Paz de 2022, anunciado nesta sexta-feira, 7, o ativista de Belarus Ales Bialiatski pode nem sequer saber sobre a premiação, disse sua mulher, a também belarussa Natallia Pinchuk, à agência da notícias Reuters.

Ales Bialiatski venceu o Nobel junto de uma organização russa e outra ucraniana de defesa dos Direitos Humanos. Ele está preso, desde julho do ano passado, por fazer oposição ao presidente do país, Alexander Lukashenko.

A mulher dele contou ao veículo que enviou um telegrama à prisão, mas que não há garantias de que ele será informado sobre o prêmio.

“Eu enviei um telegrama a ele hoje, e acho que eu não fui a única. Talvez repassem essas mensagens para ele e ele fique sabendo sobre o prêmio, eu espero que sim”, declarou Pinchuk ao veículo. “Foi uma notícia prazerosa e muito inesperada. Não havia absolutamente nada que sugeria que isso pudesse acontecer”, afirmou.

Compartilhe esses posts nas redes sociais:

vagas

Diretor de Arte Pleno (PJ) – Blumenau/SC

Oportunidade em BLUMENAU: vaga para Diretor de Arte Pleno (PJ). Requisitos:  Domínio do pacote Adobe;  Conhecimentos em mídia on e off-line;  Vivência em agências de

vagas

Designer Gráfico – Balneário Camboriú/SC

Agência de comunicação de Balneário Camboriú contrata Designer Gráfico. Requisitos: Conhecimento e habilidade nos programas Corel Draw, Illustrator, Photoshop ou Fireworks; Experiência anterior como designer;

Leia mais