18.2 C
fpolis
18.2 C
fpolis
quinta-feira, 18 agosto, 2022

PARA POUCOS

Últimas notícias
PARA POUCOS
Reprodução Youtube

A premiada cachaçaria gaúcha Weber Haus lançou na quinta-feira passada (18) a Diamant – 21 anos. E a garrafa 0001 deste lote especial entrou para a história: foi arrematada por impressionantes R$ 66,9 mil reais. 

A bebida foi elaborada apenas com cana orgânica e começou a ser maturada no ano 2000. Ficou seis anos em dornas de carvalho francês e outros 15 em barricas de bálsamo. E foi concebida para elevar o patamar da cachaça brasileira. A apresentação ajuda neste aspecto: a garrafa tem formato de diamante, vem dentro de um finíssimo estojo de madeira e é acompanhada de um livreto com a história da destilaria, taças, termômetro e vela. A intenção é que o consumidor prove a bebida em diferentes temperaturas: 2ºC, 10ºC, 20ºC e 30ºC, percebendo diferentes nuances da bebida. A experiência sensorial foi idealizada com apoio da pesquisadora Aline Bortoletto, da Inobev – um dos maiores centros de pesquisa e desenvolvimento de bebidas da América Latina. 

No site da empresa é possível adquirir uma das mil garrafas disponíveis por um valor relativamente menor que o do leilão – R$ 5,9 mil. Uma das versões possui um diamante incrustado, o que aumenta o valor da garrafa para R$ 9,9 mil.

_______

 

PARA POUCOS II


Reprodução
 

Para fins de comparação, a Diamant assume o topo do ranking das bebidas mais caras já produzidas no Brasil. Superando, de longe, a Lote 48 da própria Weber Haus que tem preço aproximado de R$ 4 mil e era a mais cara até então.

Na prática a garrafa 0001 da Diamant foi adquirida por um valor semelhante a lotes raros de alguns dos melhores whiskys do mundo como o Dalmore 50 anos (foto), produzido em 1920, com preço de 9.800 Euros; e o icônico Macallan 55 Year Old, avaliado em 11 mil Euros.

_______

 

POR FALAR EM CACHAÇA

 
Reprodução expocachaca.com 

Começa nesta quinta-feira (25) em Belo Horizonte (MG) o evento que é considerado o Oscar da cachaça brasileira. A Expocachaça 2021 tem quatro dias de evento e, além de shows e feira, um concurso disputadíssimo.

É a 10ª edição do concurso. Os organizadores já apresentaram um extrato da premiação (foto), com destaque para as cachaças de safras especiais, que tiveram nota média de 86,25 (de 100). Os nomes dos vencedores desta e de outras cinco categorias vão ser anunciados até sábado – e a coluna compartilha em breve.

_______

 

VÍDEO PREMIADO


Eisenbahn/Divulgação

Campanha publicitária criada para a Eisenbahn foi a vencedora do prêmio Profissionais do Ano, promovido pela Rede Globo. O vídeo de 15 segundos intitulado A Beleza do Processo tem Juliano Mendes, um dos fundadores da cervejaria (hoje pertencente à Heineken) como garoto propaganda (foto).

 

A campanha pretendia passar de maneira lúdica (e parece que conseguiu) a mensagem de atenção aos detalhes durante a produção de cada cerveja. Detalhe: na produção do comercial a equipe de cenografia usou 18 mil ramos de trigo. Todos colocados um a um no cenário.

_______

 

CREMOSIDADE NO APÊ

  
Housi/Divulgação 

A Brahma se uniu à Housi, startup de assinatura de imóveis, e criou uma experiência unindo hospedagem e cerveja. Um apartamento do bairro Itaim Bibi em São Paulo foi decorado com as cores da marca e recebeu acessórios que lembram a cremosidade da cerveja.

 
Housi/Divulgação

O espaço tem quase 40m2. A locação de curto prazo equivale a um Airbnb, com diária a partir de R$ 290. Mas o foco, claro, é a locação por mês, que parte de R$ 13 mil, já incluindo IPTU, condomínio e outras despesas.

_______

 

LUPULADAS

 
Reprodução Instagram

Associação dos Produtores de Lúpulo dos Estados Unidos (@usahops) desafiou cervejarias brasileiras a produzir uma nova cerveja, no estilo Hazy IPA. Dez chegaram até a fase final, entre elas Seasons, Maniacs, Dogma e Everbrew. O julgamento final será no dia 30 de novembro e o vencedor vai ser divulgado no dia 07 de dezembro na página da US Food Experience.

Jefferson Douglas da Silva
Jornalista com especialização em Gestão de Marcas, tem mais de 30 anos de experiência em telejornalismo, comunicação corporativa e governamental. Estuda o setor de bebidas desde 1995, tendo formação em coquetelaria (Senac), produção de cerveja artesanal (Escola Superior de Cerveja e Malte) e produção de gin (Inovbev/Esalq). É sommelier de cachaças (Inovbev/Esalq), sommelier de gins (Inovbev/Esalq) e vem se aperfeiçoando no setor de vinhos e espumantes (Enocultura/WSet). Desde 2018 escreve no Portal Making Of sobre ações de marketing do setor de bebidas, curiosidades do mercado (local, nacional e mundial) além de inovações e tendências na área de alcoholic beverages.
Mais notícias para você
Últimas notícias

TUM! Escute seu coração e participe do edital

Quando eu digo que minha amiga Ivanna Tolotti não para... é sobre isso: o TUM Festival, mais importante festival ...